Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Secretário do Tesouro dos EUA diz acreditar em crescimento de 3% por 5 anos


postado em 29/07/2018 15:22

O secretário do Tesouro dos EUA, Steven Mnuchin, afirmou neste domingo que o maior ritmo de crescimento da economia norte-americana é sustentável e deve se manter pelos próximos anos. "Não acho que este seja um fenômeno de um ou dois anos, acho que definitivamente estamos em um período de quatro ou cinco anos de crescimento sustentável de pelo menos 3%", disse, em entrevista a emissora Fox News.

Na última sexta-feira (27), foram divulgados dados sobre o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos, que apontaram para um crescimento à taxa anualizada de 4,1% no segundo trimestre de 2018, no ritmo mais forte em quase quatro anos. O avanço foi impulsionado pela recuperação nos gastos do consumidor, nas exportações e no investimento das empresas.

Economistas avaliam que o número do segundo trimestre seria um pico. Além disso, apontam que o Fed (Federal Reserve, o banco central americano) tem projeções de crescimento mais baixas, seja para este ano como para os próximos anos.

Mas Mnuchin afirmou que no ano passado o mercado projetava para 2018 um crescimento de 2% e o governo já previa expansão de 3%. "Estamos começando a ver projeções para cima, nossa projeção de 10 anos é de 3% e estamos confortáveis, estamos atingindo esses números", afirmou.

O secretário do Tesouro dos EUA também foi perguntado sobre recentes questionamentos do presidente Donald Trump a respeito do sinalizado aumento das taxas de juros pelo Fed, o que fez soar o sinal de alerta entre observadores sobre a independência do banco central norte-americano. Para Mnuchin, as declarações de Trump foram "apenas comentários" indicando que o "presidente tem uma preocupação". Segundo ele, o presidente norte-americano "absolutamente" apoia a independência do Fed. "Nós, como administração, apoiamos a independência do Fed, e o presidente deixou claro que esta é a decisão do Fed."

Mnuchin afirmou que é responsabilidade do Fed elevar as taxas de juros na medida que a economia cresce mais rápido. "O mercado espera que as taxas de juros continuem subindo. A única pergunta é até quanto e por quanto tempo? Achamos que o Fed vai ser muito cuidadoso em administrar a economia", disse.

O Fed se reunirá terça e quarta-feira. As taxas aumentaram duas vezes este ano em
resposta a um forte crescimento da economia norte-americana, baixo desemprego e um ligeiro aumento da inflação.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade