Publicidade

Estado de Minas

China planeja cortar compulsório bancário para apoiar pequenas empresas


postado em 20/06/2018 09:36

Pequim, 20 - O Conselho Estatal, o gabinete da China, afirmou nesta terça-feira que reduziria o compulsório para bancos que atendem a certos critérios para empréstimos a pequenas e microempresas para expandir a concessão de crédito a esse segmento, informou a imprensa estatal.

O governo de Pequim se comprometeu a usar uma série de medidas para dar a pequenas empresas mais acesso a fundos para reduzir os custos de empréstimo. Elas incluem dar mais financiamento para bancos dedicados a apoiar as pequenas empresas e o setor agrícola, além de cortar taxas de juros sobre empréstimos voltados para pequenas empresas.

O gabinete também afirmou que o Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês) pretende expandir o escopo de seu instrumento de empréstimo de médio prazo ao incluir pequenos e micro empréstimos no valor de 5 bilhões de yuans (US$ 771 milhões) ou menos. Fonte: Dow Jones Newswires.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade