Publicidade

Estado de Minas

BCE prevê crescimento mais fraco e inflação maior este ano, diz Draghi


postado em 14/06/2018 10:18

São Paulo, 14 - O Banco Central Europeu (BCE) está menos otimista em relação ao desempenho da economia da zona do euro este ano, mas espera que a inflação ganhe força.

Segundo o presidente do BCE, Mario Draghi, a instituição prevê agora que o Produto Interno Bruto (PIB) da zona do euro crescerá 2,1% este ano, 1,9% em 2019 e 1,7% em 2020. Em março, a projeção de alta para 2018 era de 2,4%. Já as estimativas para os dois próximos anos não foram alteradas.

Em relação à inflação ao consumidor do bloco, a expectativa é que a taxa anual seja de 1,7% este ano, mantendo-se neste patamar em 2019 e 2020, afirmou Draghi, que falou em coletiva de imprensa que se seguiu à decisão de política monetária anunciada mais cedo pelo BCE.

Anteriormente, o BCE previa inflação anual de 1,4% em 2018 e em 2019, com avanço para 1,7% em 2020.

A meta de inflação do BCE é de taxa ligeiramente inferior a 2%. Com informações da Dow Jones Newswires.

(Sergio Caldas)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade