Publicidade

Estado de Minas

Itaú: processo de apreciação do investimento na XP pelo BC segue rito


postado em 13/06/2018 22:06

São Paulo, 13 - O Itaú Unibanco informou, em nota à imprensa, que o processo de apreciação da aquisição de ações da XP pelo Banco Central segue o rito e os cronogramas usuais para operações dessa natureza e complexidade. De acordo com a instituição financeira, as partes envolvidas têm participado de maneira ativa nas discussões com o regulador.

O posicionamento do banco ocorre após a

Coluna do Broadcast

antecipar, na última sexta-feira, 8, que o Banco Central poderia ser mais rigoroso que o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para dar seu aval para a transação com a XP. Alguns dos remédios, conforme fontes ouvidas pela Coluna, poderia impor restrições na expansão da corretora e também no modelo de negócios acertado com o banco.

"Ressaltamos ainda que a operação já foi aprovada pelo Cade, mas que não houve, até o momento, manifestação final ou vinculativa por parte do Banco Central acerca do tema", informa o Itaú, em nota.

O banco reforçou ainda sua confiança de que o BC está cumprindo rigorosamente seu papel ao analisar de "maneira minuciosa" o investimento na XP como o fez em todas as outras operações que envolveram o Itaú Unibanco no passado. "Reiteramos ainda nossa confiança na estrutura da operação e no investimento que foi negociado entre as partes e acreditamos que o regulador terá os insumos necessários para se manifestar de forma definitiva em prazo costumeiro e condizente com a magnitude dessa operação", concluiu o Itaú.

(Aline Bronzati)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade