Publicidade

Estado de Minas

Produção de veículos automotores sobe 40,6% em abril ante abril de 2017, diz IBGE


postado em 05/06/2018 13:06

Rio, 05 - A produção de veículos automotores subiu 40,6% em abril em relação a abril do ano passado, segundo os dados da Pesquisa Industrial Mensal divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Houve crescimento na produção e automóveis e caminhões.

A atividade deu a principal contribuição positiva para o avanço de 8,9% registrado pela indústria brasileira no período, junto com o segmento de produtos alimentícios, que teve expansão de 12,0% impulsionada pela fabricação de açúcar, derivados de soja e carnes de bovinos.

Outras contribuições positivas relevantes sobre o total nacional em abril em relação a abril do ano anterior foram de equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos (32,8%), de máquinas e equipamentos (9,6%), de metalurgia (7,4%), de bebidas (11,6%), de produtos de borracha e de material plástico (8,6%), de produtos de metal (9,5%), de celulose, papel e produtos de papel (5,2%), de máquinas, aparelhos e materiais elétricos (7,9%), de confecção de artigos do vestuário e acessórios (8,6%), de outros equipamentos de transporte (15,0%), de produtos de madeira (12,5%), de móveis (13,5%), de produtos farmoquímicos e farmacêuticos (5,6%), de outros produtos químicos (2,6%), de produtos de minerais não-metálicos (3,7%) e de perfumaria, sabões, produtos de limpeza e de higiene pessoal (7,2%).

Na direção oposta, houve perdas nas atividades de produtos do fumo (-5,6%) e de impressão e reprodução de gravações (-1,3%).

Na comparação com o mês imediatamente anterior, na série com ajuste sazonal, a produção de veículos automotores cresceu 4,7% em abril. A maior fabricação de automóveis puxou a alta de 2,8% em bens de consumo duráveis no período, junto com as motocicletas. Já os caminhões ajudaram no avanço de 1,4% registrado pelos bens de capital em abril ante março.

(Daniela Amorim)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade