Publicidade

Estado de Minas

Regras para baixar juros do cheque especial

Ministro da Fazenda informa que medidas ainda não foram definidas e que há várias possibilidades em estudo


postado em 17/01/2018 17:02 / atualizado em 17/01/2018 17:06

BRASÍLIA - Depois que o  presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, declarou que os bancos assumiram o compromisso de adotar novas regras para o cheque especial com o objetivo de reduzir os juros aos clientes, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou nesta quarta-feira que a sua Pasta participa das discussões.

"A Fazenda está contribuindo para o debate, mas não há nenhuma medida especifica definida", disse Meirelles ao deixar o edifício do Ministério da Fazenda. "A Fazenda está contribuindo para o debate, mas não há nenhuma medida especifica já definida", disse Meirelles ao deixar o edifício do Ministério da Fazenda. "O BC está estudando várias medidas", complementou.

Ele disse ainda que acha importante a iniciativa da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) de estudar medidas para ajudar na redução dos juros. "Acho importante a queda da taxa dos juros do cheque especial, que está muito elevada. Acho importante esse trabalho", afirmou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade