Publicidade

Estado de Minas

Energia elétrica ficará mais barata para consumidores de Minas Gerais

Percentual foi definido nesta terça-feira pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel)


postado em 23/05/2017 15:31 / atualizado em 23/05/2017 16:01

Apesar da redução definida hoje pela Aneel, os consumidores devem continuar atentos ao consumo de energia, pois outros fatores podem encarecer a conta de luz, como as bandeiras tarifárias(foto: Reprodução/www.prophet.com)
Apesar da redução definida hoje pela Aneel, os consumidores devem continuar atentos ao consumo de energia, pois outros fatores podem encarecer a conta de luz, como as bandeiras tarifárias (foto: Reprodução/www.prophet.com)

A partir do próximo domingo, os consumidores residenciais atendidos pela Cemig Distribuição terão uma redução de 6,03% na conta de luz. O percentual foi definido nesta terça-feira pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Para as indústrias, a redução na tarifa de energia será de 21,04%. A Cemig atende 8,2 milhões de unidades consumidoras localizadas em 774 municípios de Minas Gerais.


Ao calcular o reajuste, conforme estabelecido no contrato de concessão, a Aneel considera a variação de custos associados à prestação do serviço. O cálculo leva em conta a aquisição e a transmissão de energia elétrica, bem como os encargos setoriais.

Apesar da redução definida hoje pela Aneel, os consumidores devem continuar atentos ao consumo de energia, pois outros fatores podem encarecer a conta de luz, como as bandeiras tarifárias. Para o mês de maio, está em vigor a bandeira tarifária vermelha patamar 1, o que representa um acréscimo de R$ 3 para cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade