Publicidade

Estado de Minas

Parlamento aprova Kuroda para presidência do BoJ


postado em 15/03/2013 00:04

Tóquio, 14 - O Parlamento do Japão aprovou nesta quinta-feira a nomeação dos indicados pelo governo para a liderança do Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês). Com isso, o indicado à presidência do BoJ, Haruhiko Kuroda, poderá avançar com medidas mais agressiva de relaxamento monetário do que seu antecessor.

As nomeações de Kuroda e de seus dois vice-presidentes - Kikuo Iwata e Hiroshi Nakaso - foram aprovadas na Câmara Alta do Parlamento e, mais cedo, na Câmara Baixa, garantindo que eles assumam os postos quando a atual liderança deixar os cargos no dia 19 de março.

Mesmo com a aprovação dos três, um obstáculo potencial surgiu sobre o destino de Kuroda.

Já como o atual presidente do BoJ, Masaaki Shirakawa, está deixando o cargo no dia 19 de março antes do fim de seu mandato, 8 de abril, a votação desta sexta-feira só confirmou Kuroda para este período de três semanas. Por isso, ele precisará de uma segunda confirmação em abril.

A aprovação das nomeações havia sido considerada, em grande parte, uma formalidade, mas o principal partido de oposição, o Partido Democrático do Japão (PDJ), disse que a aprovação nas votações parlamentares não significa necessariamente que o partido votará da mesma forma quando tiverem de reconfirmar Kuroda em abril. As informações são da Dow Jones.


Publicidade