Publicidade

Estado de Minas GOVERNADOR VALADARES

PF prende quatro doleiros que operavam empresas no valor de R$ 50 mi


postado em 14/04/2011 12:12 / atualizado em 14/04/2011 12:19

Quatro pessoas foram presas na manhã desta quinta-feira em uma operação da Polícia Federal (PF) contra crimes financeiros, em Governador Valadares, no Vale do Rio Doce. Segundo a polícia, os presos operavam ilegalmente uma casa de câmbio e são acusados de evasão de divisas e lavagem de dinheiro. Os suspeitos usavam de empresas “laranjas” com créditos tributários que valiam R$ 50 milhões.

De acordo com informações da Polícia Federal de Governador Valadares, as investigações começaram em 2007, a partir de relatórios da Receita Federal que revelaram movimentações atípicas dos suspeitos. Os suspeitos, conhecidos doleiros da cidade, usavam “empresas laranjas” do ramo de turismo, pedras preciosas e informática para fazer a lavagem de dinheiro e enviar dólares ao exterior.

Durante a operação foram apreendidos cinco carros e dinheiro, além de documentos e computadores que contribuirão para as investigações. Os acusados, foram encaminhados para a delegacia da cidade, onde são interrogados pelo delegado Andrei Borges, da Polícia Federal, responsável pela operação. O caso vai ficar a cargo da 4ª Vara da Polícia Federal de Belo Horizonte.

Eles serão acusados pelos crimes de operação de instituição financeira sem autorização do Banco Central - com pena de reclusão de 1 a 4 anos; realizar operação de câmbio não autorizado, com o fim de promover evasão de divisas do país - pena de reclusão de 2 a 6 anos; crime contra o Sistema Financeiro – pena de reclusão de 3 a 10 anos; com possibilidade de aumento da pena em 2/3 se os crimes foram cometidos habitualmente.

  • Tags
  • #

receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade