Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Palhaças comandam o Cabaré das Divinas Tetas, em Santa Tereza

Peça discute feminismo, machismo e sexualidade. Estreia será nesta sexta (29/3), na Casa Circo Gamarra, em Belo Horizonte


postado em 29/03/2019 05:07

Seis mulheres participam da performance na Casa Gamarra (foto: LINA MINTZ/DIVULGAÇÃO )
Seis mulheres participam da performance na Casa Gamarra (foto: LINA MINTZ/DIVULGAÇÃO )


Palhaças sempre foram exceção no circo tradicional. “A partir da década de 1980, quando começam a existir as escolas circenses, as mulheres começam a ter acesso à palhaçaria. Aí surgem os festivais e encontros de mulheres para discutir e fortalecer a comicidade feminina”, afirma Dagmar Bedê, uma das fundadoras do Cabaré das Divinas Tetas.

Cabarés são shows de variedades que remontam ao século 18. Com o fortalecimento da comicidade feminina, uma série deles surgiu no país. O Divinas Tetas foi criado há dois anos, quando houve a primeira edição de seu cabaré. Reunindo artistas de várias regiões do Brasil e algumas do exterior, o projeto chega à terceira versão, agora ampliado.

Nesta sexta (29), haverá a primeira edição na Casa Circo Gamarra, em Santa Tereza. São dois blocos de 40 minutos, cujas apresentações abordam feminismo, diversidade, machismo, maternidade e sexualidade, entre outros temas. As performances pretendem sair do espaço e ganhar as ruas.

Novas edições do Cabaré das Divinas Tetas ocorrerão em 27 de abril e 25 de maio. Em 23 de maio, haverá bate-papo sobre os cabarés femininos e, no dia seguinte, o Cabaré das Convidadas reunirá artistas de outras regiões do país.

“O elenco fixo do Divinas Tetas é de seis palhaças e, em todo cabaré, contamos com três convidados. Nossa dramaturgia vai além da mulher, pois a proposta é discutir o feminino”, diz Dagmar. Cada edição do projeto terá uma diretora convidada – a da estreia é Andréa Macera.

CABARÉ DAS DIVINAS TETAS
Direção de Andréa Macera. Nesta sexta-feira (29), a partir das 20h. Casa Circo Gamarra. Rua Conselheiro Rocha, 1.513, Santa Tereza. Entrada franca. Senhas começam a ser distribuídas às 19h.


Publicidade