Publicidade

Estado de Minas

Segundo dados, vendas no e-commerce devem superar as vendas em shopping center no ano de 2017


postado em 26/12/2017 13:00

As compras realizadas pela Internet devem superar a vendas feitas em Shoppings Centers, pela primeira vez, no Brasil. Os dados são de uma pesquisa do SPC Brasil (Serviço de Proteção de Crédito) em parceria com a CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas). A pesquisa foi feita nas 27 capitais brasileiras, com 730 entrevistados, e mostra que 40% dos entrevistados pretende fazer suas compras de Natal através de e-commerce, enquanto 37% deve recorrer aos shoppings centers.

Outra variável que indica a força do comércio online é o dado de que 76% dos entrevistados afirma que irá realizar pesquisas de preços e informações acerca de produtos através da Internet. A pesquisa também recolheu números interessantes sobre a economia nacional, como o fato de que 73% dos brasileiros realizará compras no Natal deste ano, mesmo que 57% esteja insatisfeito com a alta nos preços em relação ao mesmo período em 2016. Um fato muito curioso descoberto na pesquisa diz respeito a uma tendência que vai contra a crise econômica vivida pelo país: 52% dos entrevistados disse que pagará suas compras à vista e que a média de produtos deverá passar de 4 para 5, resultando em um ticket médio de R$ 104 por produto.

Os itens mais presentes nas listas de compras dos consumidores, de acordo com a mesma pesquisa, são roupas (56%), brinquedos (43%) e cosméticos e perfumes (32%). A SPC Brasil acredita que as pessoas devem escolher suas compras levando em consideração os preços, assim como ofertas e promoções, e a pesquisa por opções é muito fácil e dinâmica quando feita pela Internet. Outra questão é que a Internet está cada vez mais presente no cotidiano de todas as camadas da sociedade. Tal comportamento mostra a busca do consumidor brasileiro por valores mais baixos e também uma melhora dos serviços prestados pelas lojas virtuais do país. As exigências dos clientes tendem a aumentar ainda mais em 2018, fazendo com que as marcas e lojas tenham que se adaptar ao comportamento de consumo.

As pessoas entrevistadas também contaram em quais fatores deverão focar ao realizarem suas compras de Natal. São eles:

? 58% deve considerar os melhores preços;
? 50% vai procurar por ofertas e promoções;
? 27% se importa com a diversidade de produtos;
? 20% preza pela qualidade no atendimento.

A expectativa é que no e-commerce nacional haja movimentação de 51,2 bilhões de reais no Natal. É recomendado às empresas que usem ferramentas de remarketing, com cadastro de produtos em ferramentas de comparação de preços, base de e-mails para oferecer ofertas ou cupons de desconto com vencimento até o Natal, além de investir em anúncios pagos para produtos de destaque.

Decore seu lar no Natal com a Casa do Papel de Parede

A loja da Casa do Papel de Parede está equipada com diversos artigos para decoração de todos os ambientes da casa. Além dos mais diferentes estilos em papel de parede, a loja também conta com persianas, cortina sob medida, palha natural, forro para teto, entre outros.
Navegue pelo site para conferir.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade