Publicidade

Estado de Minas

Marketplace de locação de roupas facilita busca por peças

?Percebemos que, embora muita gente desejasse alugar e trajes finos online, as opções existentes eram limitadas." Ivan Anastácio.


postado em 21/12/2017 15:15

(foto: Dino)
(foto: Dino)
Formaturas, casamentos, festas de debutantes e outras ocasiões de gala pedem vestimentas especiais. Para não pesar no bolso do consumidor, a opção é alugar. Um vestido de noiva, por exemplo, se comprado, custa a partir de R$ 4 mil. Na locação, é possível encontrar o mesmo modelo por R$ 1.500.

Encontrar o traje certo, que agrade e cumpra as exigências sem comprometer o orçamento, porém, pode levar um tempo que o consumidor moderno não possui. Foi pensando nisso que surgiu o marketplace Que Roupa Eu Vou (http://www.queroupaeuvou.com.br/)."Percebemos que, embora muita gente desejasse alugar e trajes finos online, as opções existentes eram limitadas. Criamos então o nosso marketplace, que reúne lojas físicas e online do segmento. O objetivo é facilitar as buscas de nossas consumidoras e ajudá-las a economizar tempo e dinheiro", explica Ivan Anastácio, um dos idealizadores da startup.

Entenda o conceito de marketplace

Em poucas palavras, os marketplaces são plataformas colaborativas em que lojistas podem disponibilizar seus produtos e serviços online. Para os clientes, a vantagem é ainda maior: é possível pesquisar com filtros e comparar essas ofertas com muito mais agilidade. Vale lembrar que o marketplace não é um e-commerce, pois ele não vende nada online, apenas reúne quem vende, cobrando, na maioria das vezes, uma pequena comissão desses lojistas.

No caso do Que Roupa Eu Vou, quando o consumidor procura o traje que deseja, aparece uma lista de lojas ? físicas ou online ? que se encaixam nas necessidades dele. Basta que ele se cadastre e faça sua escolha para receber os dados de contato da loja e ir pessoalmente provar. É possível que ele agende um horário com a loja, para evitar perda de tempo. Aí, é só chegar, provar e fechar negócio.

A aposta em marketplace feita por Ivan Ribeiro é certeira, pois o setor está em ascensão no Brasil. Um estudo realizado pela Ecommet, empresa especializada no desenvolvimento de softwares de automação para o comércio online, revelou que essa modalidade de negócio virtual já corresponde a 25% de todo o faturamento do comércio eletrônico no país. Atento a esta tendência, o Que Roupa Eu Vou enxergou a oportunidade para oferecer um serviço focado em um segmento que pouco recebia atenção do mundo online. Os números divulgados por uma pesquisa da ABRAFESTA (Associação Brasileira de Eventos) mostram que o mercado de festas e cerimônias é um dos poucos que não sofreram os efeitos da recessão econômica no país. Em 2016, o setor movimentou R$ 17 bilhões, apresentando uma queda mínima em comparação aos números de 2015 (R$ 17,02 bilhões) e até um crescimento em relação a 2014 (R$ 16,8 bilhões).

Como alugar roupas online?

Ter diversas lojas do mesmo segmento reunidas em um único portal torna o processo de locação muito mais rápido e simples. No caso do aluguel de trajes para eventos, o Que Roupa Eu Vou agrega em sua plataforma lojas de diversas partes do país. O cliente pode filtrar por localização, preço, cor da peça, tamanho, modelo, data de uso e diversas outras características. Assim, evita-se a perda de tempo ao andar de loja em loja na esperança de encontrar o vestido certo com o preço adequado. O portal facilitou a vida também de quem já tinha o costume de buscar locação de trajes online ao reunir todas as lojas em um único lugar.

"A proposta é realmente facilitar. Quando usamos a tecnologia e os novos modelos de negócio para otimizar o uso dos nossos recursos, estamos gerando benefícios inegáveis tanto para quem aluga quanto para quem vende. Todo mundo sai ganhando", conta Ribeiro, do Que Roupa Eu Vou.

Ao encontrar o modelo de traje desejado, com todas as especificações necessárias, incluindo a data para o aluguel, o cliente do Que Roupa Eu Vou recebe o contato do lojista ? e a participação do marketplace acaba por aí. A partir desta etapa, as provas e os ajustes, se forem necessários, são tratados diretamente com o loja, bem como os demais passos para a locação e a forma de pagamento.

Saiba mais

Para consultar os serviços e opções disponíveis, acesse o site http://www.queroupaeuvou.com.br/.


Website: http://www.queroupaeuvou.com.br/

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade