Publicidade

Estado de Minas

No encerramento do IV Fórum Anual para a Promoção da Paz nas Sociedades Muçulmanas, acadêmicos e intelectuais visitam o Museu do Louvre em Abu Dhabi


postado em 16/12/2017 00:15

Uma delegação de dignatários, acadêmicos e intelectuais de alto nível que participam do IV Fórum anual para a Promoção da Paz nas Sociedades Muçulmanas visitou o Museu do Louvre em Abu Dhabi. A delegação foi comandada pelo H.E Mustafa Ceric, ex Grand Mufti da Bósnia; junto com o Xeque Mohammad Mukhtar Ould Imbala,Chefe do Supremo Conselho de Fatwa e Agravos da Mauritânia; H.E Amar Mirghani Hussein, Ministro Sudanês de Orientação e Dotações (religiosas) e H.E Salho Jay, Imã de Juma Masjidna África do Sul. O Fórum foi realizado em Abu Dhabi entre 11 e 13 de dezembro de 2017, com a participação de mais de 700 dignatários acadêmicosintelectuaise religiosos de todo o mundo.

Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: http://www.businesswire.com/news/home/20171215005888/pt/

Group Photo of the Scholars and Intellectuals during their visit to the Louvre Abu Dhabi Museum (Pho ...

Group Photo of the Scholars and Intellectuals during their visit to the Louvre Abu Dhabi Museum (Photo: AETOSWire)

A delegação visitou as várias seções do Museu, especialmente a galeria das religiões universais, que exibe trabalhos que refletem a comunicação, cooperação, solidariedade e harmonia entre as várias religiões.

O Xeque Mohammad Mukhtar Ould Ambala,Chefe do Supremo Conselho de Fatwa & Agravos da Mauritânia, citou Surat Ar-Rum, ?? Viaje pela terra e observe como o foi o fim de todos antes", e enfatizou que as obras de arte são remanescentes de povos e nações, e devem ser uma lição a nos lembrar que precisamos nos empenhar para sermos lembramos por atos de bondade, amor, paz e coexistência.

H.E Mustafa Ceric, ex Grand Mufti da Bósnia, disse que essas obras de arte incorporam o progresso obtido durante vários períodos históricos diferentes e refletem a coexistência e a harmonia entre as várias raças e civilizações. "O Museu é uma versão em miniatura da gloriosa história do universo", disse ele.

O Museu do Louvre em Abu Dhabi simboliza a quintessência da unidade e da conexão humana, e suas obras de arte cobrirão toda a existência humana. Ele também reflete os valores de coexistência e tolerância compartilhados por nações através das várias eras, que são pilares centrais do progresso e da prosperidade das nações. Valores que foram estabelecidos por Sua Alteza, o falecido Xeque Zayed bin Nahyan, e perseguidos pela liderança do país, Sua Alteza Xeque Khalifa bin Zayed Al Nahyan, presidente dos Emirados Árabes Unidos, Sua Alteza Xeque Mohammed bin Rashid Al Maktoum, vice-presidente dos Emirados Árabes Unidos, primeiro ministro e governante de Dubai, Sua Alteza Xeque Mohammed bin Zayed Al Nahyan, príncipe herdeiro de Abu Dhabi e comandante geral adjunto das Forças Armadas dos Emirados Árabes Unidos e seus irmãos, governantes dos Emirados.

No final da visita, a delegação agradeceu aos Emirados Árabes Unidos, que se estabeleceram como um modelo de paz, coexistência e harmonia, e se empenham para promover a paz mundial.

Para ler outros comunicados à imprensa sobre o IV Fórum Anual para a Promoção da Paz nas Sociedades Muçulmanas, acesse http://aetoswire.com//newsroom/1/forum-for-promoting-peace-in-muslim-societies

*Fonte: AETOSWire

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:

Fórum para a Promoção da Paz nas Sociedades Muçulmanas
Amani Mohamed, Escritório de mídia, 00971503366878
media@peacems.com


Fonte: BUSINESS WIRE

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade