Publicidade

Estado de Minas

Abdullah bin Zayed homenageia os vencedores do Prêmio Al Hassan Bin Ali 2017 durante o IV Fórum Anual para a Promoção da Paz nas Sociedades Muçulmanas


postado em 15/12/2017 08:30

Sua Alteza Xeque Abdullah bin Zayed Al Nahyan, ministro de Assuntos Estrangeiros e Cooperação Internacional, realizou uma cerimônia para homenagear a ?Casa da Família Egípcia?, vencedora do Prêmio Imã Al Hassan bin Ali 2017, representado pelo DrMahmoud Hamdi Zaqzouqsecretário-geral, e Sua Eminência Anba Ermia, secretário-geral assistente. Também estiveram presentes Sua Excelência Xeque Nahyan bin Mubarak Al Nahyan, ministro da Tolerância, e Sua Excelência Shaykh Abdallah Bin Bayyah, presidente do Fórum para a Promoção da Paz nas Sociedades Muçulmanas.

Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: http://www.businesswire.com/news/home/20171215005210/pt/

Left to right: H.E Sheikh Nahyan bin Mubarak Al Nahyan, Minister of Tolerance, H.H Sheikh Abdullah b ...

Left to right: H.E Sheikh Nahyan bin Mubarak Al Nahyan, Minister of Tolerance, H.H Sheikh Abdullah bin Zayed Al Nahyan, Minister of Foreign Affairs and International Cooperation, H.E Shaykh Abdallah Bin Bayyah, President of the Forum for Promoting Peace in Muslim Societies, His Eminence Anba Ermia, Assistant Secretary General and Dr. Mahmoud Hamdi Zaqzouq, Secretary General (Photo: AETOSWire)

Em seu discurso durante a cerimônia do IV Fórum para a Promoção da Paz nas Sociedades Muçulmanas, que contou com a presença de muitos estudiosos, intelectuais e representantes de várias fés religiosas, Sua Excelência Shaykh Abdallah Bin Bayyah entregou a premiação, a primeira de sua natureza em todo o mundo islâmico. Ele também agradeceu à Sua Alteza Xeque Abdullah bin Zayed Al Nahyan por seu gentil patrocínio à premiação, que recebe pleno apoio de Sua Alteza Xeque Khalifa bin Zayed Al Nahyan, presidente dos Emirados Árabes Unidos, Sua Alteza Xeque Mohammad bin Rashid Al Maktoum, vice-presidente dos Emirados Árabes Unidos, primeiro-ministro e governante de Dubai, e Sua Alteza Xeque Mohammed bin Zayed Al Nahyan, príncipe herdeiro de Abu Dhabi e comandante geral adjunto das Forças Armadas dos Emirados Árabes Unidos.

Ele declarou: ?O prêmio reflete a cultura de tolerância, paz e harmonia estabelecida pelo líder fundador, o falecido Xeque Zayed. Ele sintetiza uma importante etapa em nossa longa e nobre história? A eterna história do Imã Hassan bin Ali, que fez todo o possível para promover a paz entre duas divisões do Islã e advertiu um confronto sangrento. O prêmio foi nomeado em memória desse grande homem, que incorpora a paz e a coexistência, mas muitos muçulmanos desconhecem esse fato?.

Ele observou que o fórum decidiu entregar a edição 2017 do ?Prêmio Imã Al Hassan Bin Ali para a Promoção da Paz? a uma entidade estabelecida pelo Grande Xeque de al-Azhar, Ahmed al-Tayeb, e o hoje falecido papa ortodoxo copta Shenouda, a ?Casa da Família Egípcia?, em reconhecimento por seu valioso papel na busca da unidade entre os egípcios, arrancando o ódio sectário e promovendo os valores de tolerância e convivência.

Após receber o prêmio, o DrMahmoud Hamdi Zaqzouq, secretário-geral da ?Casa da Família Egípcia?, estendeu seus agradecimentos aos Emirados Árabes Unidos e seus líderes, que seguem os passos de Zayed Al Khair, agradecendo também a Shaykh Abdallah Bin Bayyah por seu importante papel no fórum. Ele manifestou sua grande satisfação por receber esse privilégio, que reconhece os nobres significados e a ética defendida por todas as religiões. Ele destacou que a Família da Casa Egípcia representa a fraternidade e unidade que une muçulmanos e cristãos que vivem juntos em amor e harmonia nas diferentes regiões do Egito.

Ele também citou um verso do Corão: ?Sejam eles crentes ou judeus, cristãos ou sábios ? todos que acreditam em Alá e no Último Dia, e autores de boas obras ?, sua recompensa é certamente fiar-se no Senhor; eles não precisam temer, nem se afligir?, para mencionar que fé e boas ações são o elemento comum que une todos nós e que Deus Todo Poderoso é o único juiz da fé ou descrença das pessoas.

O Dr. Zaqzouq também se referiu ao verso: ?Humanidade, de fato, nós criamos vocês do homem e da mulher, e os tornamos pessoas e tribosque vocês podem conhecer uns aos outros?, que remete à interação e à cooperação, e orienta à unidade entre muçulmanos e cristãos. Ao concluir, ele reiterou seu agradecimento aos patrocinadores da premiação, que estão seguindo os passos de Sua Alteza, falecido Xeque Zayed bin Sultan Al Nahyan, o pai fundador; e desejou ao fórum muito sucesso em benefício de todos.

?Nós nos reunimos hoje aqui, na terra da generosidade, lar do falecido Xeque Zayed bin Sultan Al Nahyan, e sob o patrocínio dos filhos de Zayed Al Khair, em um espírito de amor e harmonia, orientados pelos versos de paz glorificada no Corão e na Bíblia?, declarou Anba Ermia, secretário-geral assistente da Casa da Família Egípcia.

Ele expressou seu orgulho no Fórum para a Promoção da Paz nas Sociedades Muçulmanas e seu valioso papel para a promoção da paz e da tolerância sob o patrocínio de Sua Alteza Xeque Khalifa Bin Zayed Al Nahyan, presidente dos Emirados Árabes Unidos; Sua Alteza Xeque Mohammed bin Rashid Al Maktoum, vice-presidente dos Emirados Árabes Unidos, primeiro-ministro e governante de Dubai; Sua Alteza Xeque Mohammed bin Zayed Al Nahyan, príncipe herdeiro de Abu Dhabi e comandante supremo adjunto das Forças Armadas dos Emirados Árabes Unidos. Ele também agradeceu à Sua AltezaXeque Abdullah bin Zayed Al Nahyan, ministro de Assuntos Estrangeiros e Cooperação Internacional, patrono do fórum; Sua Excelência Xeque Nahyan bin Mubarak Al Nahyan, ministro da Tolerância; e Sua Excelência Shaykh Abdullah bin Bayyah.

?Senhoras e senhores, estamos reunidos aqui na terra da tolerância para participar do Fórum para a Promoção da Paz, em busca de refrear e evitar o terrorismo?, acrescentou. Ele mencionou diversos versos do Corão e da Bíblia, que celebram o ser humano e evocam o Pacto de Umar, que se recusou a rezar na Igreja do Santo Sepulcro; um gesto que incorpora sua consideração por outras fés.

?Esses são exemplos significativos da coexistência que necessitamos seguir para contribuir positivamente no desenvolvimento dos seres humanos e garantia de prosperidade e construção. Exemplos de coexistência entre as diferentes crenças religiosas, preservando sempre as características de cada fé?, concluiu.

Sobre o vencedor

A ?Casa da Família Egípcia? é uma iniciativa que representa um modelo de coexistência religiosa. Estabelecida em 2011 pelo gabinete pós-revolucionário de Essam Sharaf, a Casa da Família Egípcia foi concebida inicialmente pelo Grande Xeque de al-Azhar, Ahmed al-Tayeb, e pelo hoje já falecido papa ortodoxo copta Shenouda da Alexandria. Com sede no Cairo, a Casa da Família Egípcia é composta de estudiosos muçulmanos, clérigos da Igreja Copta, representantes de diversas fés cristãs presentes no Egito e vários intelectuais egípcios.

A ?Casa da Família Egípcia? busca preservar a unidade do tecido muçulmano-cristão na sociedade egípcia por diversos meios; principalmente, reafirmando os nobres valores e características em comum entre as diversas religiões e culturas; estabelecendo um novo discurso que atende às necessidades da juventude, como pilar da moral e da educação, para incentivar a paz e a rejeição ao ressentimento e à violência; promovendo a cooperação e a coexistência entre os cidadãos; monitorando e propondo medidas preventivas para manter a paz social; e formando imãs e padres em diversas partes do país para esclarecer seguidores de outras fés sobre como manter a paz social.

Para ler outros comunicados à imprensa sobre o IV Fórum Anual para a Promoção da Paz nas Sociedades Muçulmanas, acesse http://aetoswire.com//newsroom/1/forum-for-promoting-peace-in-muslim-societies

*Fonte: AETOSWire

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:

Fórum para a Promoção da Paz nas Sociedades Muçulmanas
Amani Mohamed, Escritório de mídia, 00971503366878
media@peacems.com


Fonte: BUSINESS WIRE

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade