Publicidade

Estado de Minas

Rede de Franquias dá exemplo de solidariedade no Natal praticando seu modelo de gestão com ações sociais

"A cidadania é um item que prezamos, queremos ampliar o engajamento em projetos de responsabilidade social", diz Kimberly Cavalli, do marketing da Golfran.


postado em 12/12/2017 12:00

(foto: Dino)
(foto: Dino)
Hoje em dia muitas empresas estão engajadas em projetos de responsabilidade social, revelando uma gestão não apenas focada no lucro, mas que visa ajudar o próximo. A Golfran, empresa gaúcha, estimula os seus franqueados a tornar o Natal mais feliz para as pessoas menos favorecidas da sociedade.

Os 132 franqueados espalhados em todos os estados brasileiros doarão uma parte do seu tempo por uma causa nobre, na arrecadação de presentes que serão destinados às entidades assistenciais em suas cidades. Creches, asilos, orfanatos, casas de apoio serão beneficiadas com lembrancinhas de Natal, pois para os dirigentes da Golfran sempre é possível fazer a diferença mesmo que seja com pouco.

Segundo Kimberly Cavalli, Gerente de Marketing e Analista de Produto, esta iniciativa tem a finalidade de conscientizar e sensibilizar a sociedade em assegurar um Natal mais alegre e acolhedor às crianças, adolescentes e idosos partilhando a cidadania, a responsabilidade social e desta forma, contribuindo com as pessoas mais carentes.

"Queremos encerrar 2017 convidando os nossos franqueados, em nome da parceria, a tornar esta família Golfran ainda maior, por meio de uma ação tão bonita que vai beneficiar algumas instituições, pois a solidariedade é um item que prezamos, pensando sempre no bem-estar do ser humano, acreditando que tudo o que se doa tem retorno multiplicado e os franqueados estão bem motivados, abraçaram esta ideia", afirma.

A Golfran espera que este exemplo seja inspirador e seguido por outras empresas, pois não adianta apenas atender às necessidades dos clientes através de ações de marketing para se manter num mercado competitivo, é importante também que a gestão vá além e assuma a sua responsabilidade pelo desenvolvimento social positivo, implantando ações para tal fim.

Os Recursos Humanos e o Marketing da maioria das empresas incentivam as ações de responsabilidade social por representar fontes de vantagens competitivas para as empresas, por exemplo, há maior valor agregado à imagem, à marca e aos produtos e serviços.

Desta forma, a empresa passa a ser mais admirada pelos consumidores e pela comunidade. Muitas vezes a decisão de compra pode ser definida por essa atitude. Além de maior motivação de seus funcionários que percebem que trabalham para uma empresa que valoriza o bem-estar social, melhorando inclusive o desempenho,
aderem mais facilmente aos programas propostos e vestem a camisa da empresa. As pessoas desejam trabalhar em organizações desse tipo.

A Golfran, empresa gaúcha de Caxias do Sul, trabalha há mais de 30 anos com vendas diretas porta a porta, através dos catálogos: Golfran Fianceé, Joias e Baby e promove esta ação para um Natal mais solidário.

A Golfran está entre as 10 maiores microfranquias do Brasil, os catálogos da empresa são considerados um verdadeiro shopping encadernado, pois possuem mais de 7.000 itens e 35 mil combinações para adquirir nas cores e modelos desejados, sem precisar sair de casa. Lançados 2 vezes ao ano, trazem uma grande variedade de produtos de cama, mesa e banho, lingeries, vestuário, calçados, decoração, utilidades domésticas, artigos para bebês, joias e muito mais.

"Vamos repetir ações desta natureza no ano que vem e esperamos alcançar um maior número de franqueados e beneficiar mais pessoas, pois é doando que se recebe", conclui Kimberly Cavalli.


Website: http://www.golfran.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade