Publicidade

Estado de Minas

Congresso vai expor realidade das procuradorias antes e depois da tecnologia


postado em 22/11/2017 10:30

Desta terça (21) até sexta-feira (24), Curitiba vai sediar o XIV Congresso Brasileiro de Procuradores Municipais. O evento terá início às 18h30, na Ópera de Arame, e contará com a presença do juiz Sérgio Moro e de Jaime Lerner, como conferencistas.

A ideia principal do Congresso é incentivar o debate entre mais de 600 procuradores, de 22 estados brasileiros, sobre boas práticas nas procuradorias.

Um dos temas centrais do evento trata do uso da tecnologia e dos resultados alcançados, que são revertidos instantaneamente para a sociedade.

O procurador Stephen Santoro Sales, de Barueri, município localizado na Grande São Paulo, será um dos palestrantes. O município utiliza o SAJ Procuradorias desde 2016. O sistema digital trouxe agilidade e transparência para as atividades da procuradoria de Barueri, além de tirar funcionários de funções repetitivas.

Outro exemplo do uso bem-sucedido da tecnologia está em Santos, cidade importante do litoral paulista. Lá, com o uso do SAJ Procuradorias, em apenas cinco dias, a Procuradoria ajuizou 15,2 mil Execuções Fiscais. Sem a ajuda do sistema de gestão, essas ações demorariam quatro meses para ser ajuizadas.

"O tempo dos profissionais é otimizado, permitindo que exerçam funções mais qualificadas, como a análise dos processos", argumenta Alexandre Vedovelli, executivo da Softplan, empresa que desenvolveu o SAJ Procuradorias. "A tecnologia ainda padroniza o trabalho da procuradoria, garantindo um serviço de excelência à população. Procuradorias que têm um sistema de gestão de processos conseguem se organizar e eliminar muitas atividades burocráticas", acrescenta.

De fato, os procuradores municipais têm um papel fundamental numa gestão pública eficiente. Além de palestras, divididas por áreas de interesse, os procuradores que vão participar do Congresso vão poder se reunir em grupos temáticos com o objetivo de buscar soluções para as questões que as procuradorias vivem no dia a dia da gestão pública.

Além da Ministra da Advocacia-Geral da União, Grace Mendonça, participam do evento o governador do Paraná, Beto Richa, o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, e o presidente da OAB Nacional, Claudio Lamachia.




Website: http://www.softplan.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade