Publicidade

Estado de Minas

A revolução tecnológica entra na tesouraria das empresas

A tecnologia de hoje já possibilita que o processo financeiro seja totalmente automatizado, transparente e seguro e mais do que tudo, online!


postado em 01/09/2017 16:15

(foto: Dino)
(foto: Dino)
Atividades de pagamentos, cobranças, e o controle de tudo isso sempre deram trabalho, custaram caro e foram fonte de insegurança para as empresas.

Toda empresa possui de uma área de tesouraria para gerir seu fluxo financeiro, contas a pagar e contas a receber. Na verdade, até mesmo as pessoas físicas precisam dedicar tempo a esse tipo de atividade.

Será que o controle bate com a realidade? Será que em meio a uma série de processos manuais e pessoas envolvidas, tudo funcionou como deveria? Será que em um determinado momento posso descobrir que tudo o que eu imaginava não era bem aquilo? Será que minha lista de inadimplentes é aquela mesma? Ou será maior? Ou menor e vou cobrar quem não deveria?

Essa é a rotina de preocupações de inúmeros CEOs, CFOs, Controllers e outras pessoas envolvidas nas atividades financeiras e controladoria das empresas. Empresas maiores dedicam maiores recursos e processos a esse controle, enquanto as menores, muitas vezes são obrigadas a conviver com esse desconforto constantemente.

Uma pergunta que fica é, porque em tempos de mundo conectado, internet, smartphones, redes sociais e inteligência artificial, as tesourarias continuam ainda processando manualmente sua vida financeira?

Nos EUA e na Europa, já vemos claramente o movimento de integração da operação das empresas, com seu financeiro, e até mesmo a contabilidade. Como relatado no relatório Banking and Securities Outlook 2017, produzido pela Delloite , o caminho natural do mercado é a digitalização ponta a ponta (end to end digitalization), onde as instituições inverterão sua lógica de pagamentos de dentro para fora. Esse é o conceito do Seamless Bank.

No Brasil, esse movimento está um pouco atrasado, mas a tendência de melhora é clara. Não há mais espaço para atividades manuais, erros de processo e prejuízos por motivos previsíveis em uma economia onde a velocidade dos acontecimentos impressiona a todos, inclusive aqueles do mercado de tecnologia.

A tecnologia de hoje já possibilita que o processo financeiro seja totalmente automatizado, transparente e seguro e mais do que tudo, online! O contas a receber está atualizado o tempo todo, e os gestores têm como controlar suas atividades de tesouraria, e suas finanças, na palma da sua mão, ou na tela de seu computador.

O FitBank trouxe o conceito do seamless banking ao Brasil. Através de sua plataforma, empresas podem executar todas suas operações de tesouraria de uma forma transparente, sem sair do ambiente do ERP. Através da integração de sistemas com os ERPs parceiros, a empresa passa a eliminar atividades de controle e conferência uma vez que está com acesso total a sua vida financeira. Com isso, ela controla melhor suas operações, reduz seus custos e elimina o desconforto de deixar uma área extremamente crítica da empresa sujeita a atividades manuais, passíveis de falha. Não vemos mais clientes inadimplentes por muitos dias sem serem cobrados, não há mais cobranças indevidas e problemas de descontrole de caixa. Autorizações de pagamento sem o conhecimento do que efetivamente está sendo liberado, e surpresas desagradáveis já não fazem mais sentido ocorrer.

Hoje, empresas além de vender, comprar e prestar seus serviços de forma online, poderão também gerir suas finanças com toda a agilidade e conveniência que a evolução tecnológica já possibilita para tantos aspectos de nossas vidas.

Website: http://www.fitbank.com.br/

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade