Publicidade

Estado de Minas

Fato Relevante: Renovação do Programa para Aquisição de Ações


postado em 01/09/2017 01:00

(foto: Dino)
(foto: Dino)
ITAÚ UNIBANCO HOLDING S.A. ("Companhia") comunica aos seus acionistas que o Conselho de Administração, reunido em 1.2.2016, aprovou a aquisição de ações de emissão da própria Companhia no montante de até 10.000.000 de ações ordinárias e 50.000.000 de preferenciais, sem redução do valor do capital social, que equivalem, respectivamente, a aproximadamente 3,47% das 287.849.273 ações ordinárias e aproximadamente 1,66% das 3.017.289.912 preferenciais em circulação no mercado, com data-base em 31.12.15.
Cabe ressaltar que em 31.12.15 existiam na tesouraria 2.795 ações ordinárias e 162.562.650 preferenciais de emissão própria. Ao longo de 2015, houve três programas de recompra pelos quais foram adquiridas 115.440.280 ações preferenciais.

Objetivo

O processo de aquisição das ações tem como potenciais objetivos: (i) maximizar a alocação de capital através da aplicação eficiente dos recursos disponíveis; (ii) prover a entrega de ações aos funcionários e administradores da Companhia e de suas controladas no âmbito dos modelos de remuneração e dos planos de incentivos de longo prazo; e (iii) utilizar as ações adquiridas caso haja oportunidades de negócios no futuro.

Efeitos Econômicos

A aquisição de ações próprias pode gerar os seguintes impactos:

? Aos acionistas: (i) maior retorno em dividendos, uma vez que as ações adquiridas pela Companhia são retiradas de circulação do mercado e o pagamento de dividendos é distribuído para quantidade menor de ações; e (ii) aumento do percentual de participação do acionista se houver cancelamento das ações.
? À Companhia: (i) otimização da utilização dos recursos disponíveis para investimento; e
(ii) alteração do Índice de Capital.

Na hipótese da recompra do total de ações deste programa, o valor financeiro despendido não acarretará efeitos contábeis relevantes nos resultados da Companhia.

Prazo para aquisição das ações

As operações serão efetuadas em bolsa de valores, no período de 3.2.16 a 2.8.17, a valor de mercado, e intermediadas pela Itaú Corretora de Valores S.A., sediada na Av. Brigadeiro Faria Lima, 3500, 3º andar, Parte, em São Paulo (SP).

O Conselho de Administração entende que a liquidação da aquisição das ações de emissão própria é compatível com a situação financeira da Companhia, não vislumbrando nenhum impacto no cumprimento das obrigações assumidas, visto que:

? Em 31.12.15, os recursos disponíveis atingiram:
R$ 1.537.219 mil em Reservas de Capital; e
R$ 20.127.545 mil em Reservas de Lucros Estatutárias.
? A Companhia gerencia as reservas de liquidez mediante estimativas dos recursos que estarão disponíveis para aplicação, considerando a continuidade dos negócios em condições de normalidade. Assim, é assegurada plena capacidade de pagamento em relação aos compromissos financeiros assumidos. Para mais detalhes, consulte a Nota "Caixa e Equivalentes de Caixa" nas Demonstrações Contábeis da Companhia, disponível no site de Relações com Investidores (www.itau.com.br/relacoes-com-investidores).

São Paulo (SP), 2 de fevereiro de 2016.

MARCELO KOPEL
Diretor de Relações com Investidores


Para ler o conteúdo na íntegra, acesse: https://www.itau.com.br/_arquivosestaticos/RI/pdf/pt/comunicados/IHF-2016-02-01_Fato_Relevante_Recompra_(FOR)_PORT.pdf

Website: http://www.itau.com.br/relacoes-com-investidores

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade