Publicidade

Estado de Minas

Queda brusca da temperatura assusta e traz à tona as doenças de inverno


postado em 22/08/2017 17:30

Nos últimos dias, diversas regiões do país viram as temperaturas despencarem. Com o frio, a mudança também acontece nos hábitos da população, que passa a ficar mais tempo em locais fechados e retira as roupas de inverno do armário. A consequência disso é o aumento da frequência de problemas de saúde bem conhecidos, como as alergias, principalmente as rinites alérgicas e a asma, que começam a incomodar nesse período do ano, como relata Jessé Reis, médico integrante do corpo clínico do Lâmina.

"A alergia é uma reação exagerada do sistema imunológico de pessoas predispostas quando entram em contato com certas substâncias denominadas alérgenos. Mais de 25% da população mundial tem alergia, e a asma (ou bronquite) e a rinite alérgica são as mais comuns. A asma é a mais grave delas e sua frequência vem aumentando ? algo em torno de 10% da população mundial tem a afecção. A doença é mais prevalente em crianças e adolescentes do que em adultos e acomete 20% delas, entre 6 e 14 anos", explica Jessé.

Crianças, adultos e idosos com transtornos crônicos devem ter cuidado especial nessa época do ano, evitando locais fechados e pouco arejados e com grande concentração de pessoas e a utilização de casacos de lã e de cobertores que ficaram guardados no armário por longos períodos, pois podem conter ácaros e fungos de mofo. "Nossa saúde pode ser influenciada pelas mudanças de temperatura. Portanto, alguns cuidados, como a vacina contra a gripe, são essenciais para evitar o agravamento de doenças crônicas", comenta o médico.

Mas algumas medidas simples podem ser tomadas para evitar crises alérgicas. Confira as dicas de prevenção, a seguir.

Operação desapego
Retire de casa, principalmente do quarto, objetos que acumulem poeira: bichos de pelúcia, livros, revistas, caixas, cortinas e tapetes.

Lava, lava, lava
Antes de usar as roupas que estavam guardadas, é bom deixá-las ao sol, em ambiente ventilado, e lavá-las antes de usar.

Faxina? Sim, sempre que possível
Mantenha a casa arejada e combata a umidade; para a limpeza, utilize panos úmidos e evite o uso de vassoura ou espanador e aspirador de pó, porém, se necessário, utilize os com filtro HEPA.

Não durma com o inimigo
Ácaros e outros alérgenos se escondem em colchões e travesseiros, por isso, deixe-os expostos ao sol ? se possível ? e forre-os com capas impermeáveis que permitam a limpeza diária.

Sem exagero no perfume
Fuja de odores fortes como os de material de limpeza na casa ou perfume no corpo.

Fumar? Nem pensar!
Não fume ou fique próximo de fumantes. Fazer isso é um benefício a mais para seus pulmões e vias áreas. Previna-se!

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade