Publicidade

Estado de Minas

A utilização das ferramentas do Visagismo em prol do profissional de beleza

O Visagismo é uma profissão existente desde a década de 1930, porém é composto de um grande conjunto de disciplinas de origem muito mais remota.


postado em 14/08/2017 11:00

(foto: Dino)
(foto: Dino)
O Visagismo é uma profissão existente desde a década de 1930, porém é composto de um grande conjunto de disciplinas de origem muito mais remota, algumas datam de milhares de anos atrás, esclarece o Expert Visagista Robson Trindade .

Já não é novidade que o Visagismo representa o futuro do mercado de beleza, devido à sua multidisciplinaridade que lhe permite trabalhar em várias frentes simultaneamente como por exemplo pessoas, produtos e empresas, o que é essencial principalmente em um momento
de crise, onde os profissionais sem qualificação não tem vez e acabam perecendo.

Por essas e outras razões, o Expert Visagista Robson Trindade investe maciça e constantemente em qualificação acadêmica e profissional de sua equipe nos mais diversos temas como Visagismo, Terapia Capilar, Makeup Visagista, Moda, técnicas de mechas, colorimetria, cosmetologia e muitos outros.

Tratamento Capilar é uma das maiores necessidades das clientes por conta de químicas mal realizadas, utilização de produtos ilegais e manutenção inadequada e poucos profissionais possuem realmente conhecimento dentro dos estabelecimentos de beleza, o que torna a equipe do Red Team ? Consultoria de Imagem, Beleza e Estilo uma referência nesse serviço, tão necessário e ao mesmo tempo com profissionais tão carentes de formação nessa área.

O profissional visagista é a pessoa indicada para melhor lhe encaminhar para o serviço que você necessita, pois ele possui todo o conhecimento necessário dos serviços que são primordiais para que você atinja a Harmonização de Imagem adequada.

Venha para o Red Team e conheça todo o leque de serviços que oferecemos através de nossos Consultores Visagistas, você vai se apaixonar!

Website: http://educacaovisagismoeprojetos.com.br/

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade