Publicidade

Estado de Minas

Black Friday 2017: um guia para o dia de compras mais movimentado do ano


postado em 11/08/2017 11:15

(foto: Dino)
(foto: Dino)
A Black Friday continua a ser o dia de compras mais movimentado do ano. Conta com centenas de varejistas e milhares de consumidores que buscam por descontos agressivos. Mas vale mesmo a pena gastar o seu tempo e dinheiro arduamente ganho neste dia? Dê uma olhada em algumas das melhores ofertas e como obtê-las no dia 24 de novembro.

Gostem ou não, é certo dizer que a Black Friday veio para ficar. Surgiu nos Estados Unidos e agora é a data mais importante de vendas em países do mundo inteiro. No Brasil não poderia ser diferente, com centenas de varejistas que oferecem descontos que chegam a 90% em lojas físicas e online com o objetivo de queimar os estoques e claro atrair o maior número de consumidores que amam uma pechincha e uma economia.

No Brasil varejistas geram milhões a cada ano vendendo produtos como: eletrodomésticos, eletrônicos, eletroportáteis, móveis, cama mesa e banho, produtos de informática, games e muito mais. Dentre os produtos mais vendidos nesta época do ano estão: Smartphones, Tablets, Notebooks, Câmeras e Games.

Quando é Black Friday?

O evento é no mês de novembro e cai na primeira sexta-feira após o feriado de ação de graças - este ano, é na sexta-feira, 24 de novembro.

Por que a Black Friday existe

Depois do feriado de ação de graças, os varejistas americanos optaram por "criar" um grande dia de vendas. Colocando produtos por preços bem baixos, para assim vender tudo em estoque e renovar para o Natal.

É debatido se o termo "Black Friday" se refere a um dia em que os varejistas finalmente ganharam muito lucro durante o ano, graças ao aumento de vendas, ou se ele realmente surgiu por causa do tráfego horrível na Filadélfia no início dos anos 90 na Sexta-feira após o Dia de Ação de Graças.

Não esqueça da Cyber ??Monday

Ah, sim, e depois do Black Friday eis que surge na segunda-feira seguinte a Cyber Monday. A Cyber Monday é como se fosse uma segunda chance para que as pessoas possam comprar produtos por valores ainda reduzidos, os varejistas notaram que as vendas ainda eram grandes na segunda-feira seguinte ao Black Friday, por isso surgiu esse evento que ficou conhecido como Cyber Monday.

Nós também podemos chamá-lo de Black Weekend, isso porque, alguns varejistas oferecem os descontos durante o sábado e domingo, sendo assim são quatro dias sólidos de muitas vendas e com descontos tentadores.

Por que a Black Friday é um grande negócio?

Por causa dos grandes descontos que somente é possível na Black Friday. Varejistas do mundo inteiro oferecem descontos que chegam a 90%. São descontos em produtos de diversas categorias de marcas nacionais e internacionais. A popularidade da Black Friday é tanta que no ano passado o Reino Unido gerou cerca de US $ 2 bilhões, muitas das vendas foram em produtos de tecnologia, como: câmeras, smartphones, TV"s e Fitbits.

Quais são as expectativas para esse ano

Produtos de tecnologia é a grande aposta neste ano. E isso não é porque muitas pessoas estão comprando atrás das telas de computadores ou smartphones. É porque a demanda por produtos como: smartphones, tablets, TVs, games são muito grandes na Black Friday. Muitas pessoas deixam para trocar o celular, ou comprar um game novo nessa época do ano, pois sabem que os descontos são bem agressivos.

Uma boa opção é a Trocafone que oferece muitas ofertas decentes de smartphones e tablets, em diversas marcas como iPhone, Samsung, LG, Motorola, Sony, Lenovo e Quantum. São aparelhos excelentes em ótima condição de uso, e claro na Black Friday com descontos ainda maiores.

Em Novembro você também vai encontrar o Xbox One X em lojas como: Submarino, Shoptime e Lojas Americanas por preços bem reduzidos uma verdadeira pechincha para quem é fã de games.

Como detectar uma boa pechincha na Black Friday

A coisa mais importante a fazer é considerar se o que você quer adquirir é um bom negócio. Para isso, basta fazer a pergunta: "eu ainda quero comprar isso se fosse o preço total?" Muitas vezes, a resposta é "não", o que significa que você precisa pensar se você está economizando dinheiro com um desconto, ou desperdiçando-o no entusiasmo de uma compra.

Uma pechincha para uma pessoa pode não ser uma pechincha para outra, não importa quantas vezes os varejistas digam o contrário.
Às vezes, é óbvio detectar uma boa pechincha. Por exemplo, 50% de desconto em um headset no valor de R$149 é um bom negócio, especialmente se você estiver considerando pagar o preço total. Por outro lado, 50% em uma TV de R$3.000 ainda é R$1.500 o que é um valor alto ? por isso pense com cuidado.

Além disso, não é incomum (ou difícil, ou ilegal) para alguns varejistas colocar preços altos na Black Friday. Sim isso acontece, sabe por quê? - porque os varejistas desonestos sabem que obterão mais acessos e maior número de consumidores prontos para clicar em comprar.
Então, vale a pena procurar o que quer comprar agora e esperar até a Black Friday para verificar se o preço é realmente melhor.

Devolvendo compras da Black Friday

Você deve ter o direito de retornar compras que foram feitas na Black Friday, pois as políticas de troca e devolução devem ser aplicadas do mesmo modo que o resto do ano, mas verifique esses termos no site antes de efetuar a sua compra.

Não existe nada pior do que comprar um item caro e depois descobrir que não pode retornar e ser reembolsado. Em compras on-line pode ser complicado retornar o produto e às vezes pode demorar dias até a liberação do reembolso, por isso certifique-se de que você realmente quer o que você adiciona ao carrinho. Confira a nossa página da Black Friday https://cupomterra.com.br/f/black-friday/ e fique por dentro de todas as pechinchas das maiores lojas do Brasil e do mundo.

Website: https://cupomterra.com.br/f/black-friday/

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade