Publicidade

Estado de Minas

Pesquisa aponta que aluguel de imóvel volta a ser bom investimento na crise em Campinas


postado em 07/08/2017 15:15

Com a queda da rentabilidade das aplicações financeiras nos últimos meses, decorrente da redução dos juros, o aluguel voltou a ser uma alternativa atraente para quem deseja investir ou ter uma fonte de renda extra em Campinas. Pesquisa realizada pela Fipe (Fundação instituto de Pesquisas Econômicas) em municípios brasileiros aponta que a taxa de retorno médio do aluguel medido pelo índice FipeZap na cidade atingiu 4,4% no mês de junho, acima dos rendimentos de outros investimentos.

Para efeito de comparação, no mesmo mês passado a taxa de juro real de mercado foi de 4,1% e do rendimento da poupança (3,1%) para o período. A inflação no mês foi de 3%, segundo os dados oficiais do governo federal.

De acordo com o retorno do aluguel acima da inflação ocorreu em somente em 15 cidades. No ranking dessas cidades, Campinas ficou em sétimo lugar, atrás de Santos (6,4%), Recife (4,9%), São Paulo (4,9%), São Bernardo do Campo (4,6%), Salvador (4,6%) e Porto Alegre, com os mesmos (4,5%).

Segundo a Fipe, o retorno médio foi calculado comparando o preço médio de locação com o preço de venda dos imóveis. "Esse indicador é relevante, em particular, para avaliar a atratividade do mercado imobiliário em relação a outras opções de investimento disponíveis", explica a Fipe.

Para o Vice-Presidente de Comercialização da Habicamp (Associação Regional da Habitação), Douglas Vargas, a pesquisa FipeZap reforça que aplicação de recursos em imóveis continua a ser um bom investimento para quem deseja uma renda extra a médio e longo prazo. "Verificamos que o valor atualizado o IGP-M do metro quadrado de Campinas, mesmo na crise, superou a inflação, melhorando a rentabilidade para os proprietários", explica.

Vargas pondera, também, que atualmente a oferta de imóveis na cidade está acima da demanda e, mesmo assim, está havendo um aumento do retorno do investimento. "O proprietário que investe na melhoria de seu imóvel, em pequenas reformas e manutenção, acaba se beneficiando e conseguindo uma rentabilidade maior que os demais."

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade