Publicidade

Estado de Minas

Tecnologia da Smiths Detection protege socorristas contra a ameaça da exposição ao fentanil


postado em 03/08/2017 15:30

Smiths Detection Inc. (SDI) está na vanguarda quando se trata de proteger os socorristas que chegam primeiro em cena contra a presença do fentanil. Trabalhando diretamente com agências internacionais de aplicação da lei e de materiais perigosos, a SDI adaptou diversas tecnologias existentes capazes de detectar, de forma rápida e precisa, o fentanil e seus análogos.

O fentanil, se inalado, pode levar à parada respiratória, é 50 vezes mais letal do que a heroína e 100 vezes mais letal do que a morfina. Está provocando receios de uma crise na saúde pública e representa uma ameaça à segurança dos socorristas que chegam primeiro em cena, que podem não estar cientes de sua presença durante uma resposta.

A SDI adaptou três de suas principais tecnologias para detectar e identificar o fentanil, incluindo:

  • IONSCAN 600 - usado em aeroportos, instalações penitenciárias e pontos de controle de segurança no mundo inteiro, este sistema portátil detecta quantidades invisíveis de narcóticos, como o fentanil, e explosivos em segundos.
  • HazMatID Elite/Target ID - um identificador químico por infravermelho manual que executa análises químicas em quantidades significativas de sólidos e líquidos, que podem ser usados como prova judicial admissível.
  • ACE-ID - Utiliza a tecnologia laser Raman, que permite aos usuários testar, sem contato, maiores quantidades de substâncias desconhecidas, inclusive através de plástico e vidro.

As tecnologias foram idealizadas para se complementar em cenários de resposta, mas podem funcionar de forma independente. A SDI também aprimorou a sua linha direta, ReachBackID, que funciona 24 horas por dia, para dar aos primeiros socorristas em cena, que utilizam essas tecnologias, o acesso a cientistas com doutorado para apoiar a análise com base no campo do fentanil e vários dos seus análogos.

Shan Hood, vice-presidente de Produto e Tecnologia para a Smiths Detection, disse: ?A nova ameaça do fentanil aos primeiros socorristas em cena é real e grave, pois o contato ou a inalação acidental de quantidades muito pequenas podem ser fatais. A tecnologia certa pode ajudar os socorristas a tomar decisões mais bem informadas sobre a melhor maneira de se proteger do fentanil e seus análogos durante emergências?.

Smiths Detection é parte do Smiths Group, líder mundial em detecção de ameaças e tecnologias de varredura para os mercados militar, transporte aéreo, segurança nacional e de resposta a emergências. Nossa experiência e história de mais de 40 anos na vanguarda da tecnologia, nos permite oferecer níveis incomparáveis de experiência para detectar e identificar ameaças químicas, radiológicas, nucleares e explosivas que mudam constantemente, assim como armas, mercadorias perigosas, contrabando e narcóticos.

Nosso objetivo é simples - oferecer segurança, paz de espírito e liberdade de movimento das quais o mundo depende. Para mais informações, acesse: www.smithsdetection.com

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:

Contatos da mídia:
Blueprint Communications
Chad Kolton
571-414-0730
chad@blueprintcomms.com
ou
Smiths Detection
Dana Knox-Gower, diretora de Comunicações e Marketing - Américas
203-482-6752
dana.gower@smiths-detection.com


Fonte: BUSINESS WIRE

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade