Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Tradicional, sem ser óbvio


postado em 24/02/2019 05:08

Ciabatta com presunto parma, pesto de manjericão, queijo bric e tomates temperados(foto: Izabela viterbo/divulgação)
Ciabatta com presunto parma, pesto de manjericão, queijo bric e tomates temperados (foto: Izabela viterbo/divulgação)

Nada de massa, risoto ou carne. O forte da casa italiana BellaZio Gastronomia são o panino e a piadina. Decidido a apresentar a comida da Itália de forma diferente, Stefano Panella apostou em receitas tradicionais do seu país que são novidade para muitos brasileiros. Ambos combinam pão e recheio, mas nem pense em chamá-los de sanduíches. “Isso aperta o meu coração”, avisa. Seguindo a tradição da Itália, o chef da cidade de Sondrio, na região da Lombardia, que aprendeu a cozinhar com a mãe, prepara o panino com ciabatta e a piadina com um disco de pão (tipo folha). Os recheios misturam presuntos e queijos importados da Itália, além de molhos artesanais, todos produzidos na casa. São eles: pestos de rúcula, manjericão e azeitona, cremes de funghi e aspargos e molho de tomate. Algumas das sugestões do cardápio são panino com presunto speck (um pouco mais defumado que o parma), gorgonzola, abobrinha na manteiga, nozes e molho funghi e piadina com presunto copa, fatias de muçarela, azeite com toque de limão siciliano, pimenta do reino e alface. “Aqui não é um restaurante, mas um lugar para aperitivos, com comidas leves que vão acompanhar as bebidas. Na Itália, panino e piadina são para comer com as mãos”, informa. A cada mês, o chef propõe um tour gastronômico por uma região da Itália, evidenciando ingredientes típicos. Em março, o cardápio vai homenagear Ligúria.


Carnaval de sabores

A Feirinha Aproxima tem novidade para o próximo mês: uma edição especial de carnaval que vai durar quatro dias. A ideia é apresentar sabores mineiros aos turistas que vêm participar da folia em Belo Horizonte e também oferecer um programa alternativo para os moradores que querem curtir o feriado longe do agito dos blocos. No cardápio desta edição, estão incluídos coxinha de rabada e paella mineira do restaurante Omilía; rolinho primavera e furai de frango do chef Beto Haddad; nhoque de batata-doce e ravioli de queijos e ervas da Madri Massas Artesanais e Vegetarianas e pão de queijo de cabra da Capril Santa Cecília. A Feirinha Aproxima de carnaval será realizada de 2 a 5 de março, das 11h às 18h, no entorno do Museu Histórico Abílio Barreto, Bairro Cidade Jardim. A entrada é gratuita.

 

Saúde e praticidade

A dificuldade de encontrar comida saudável com sabor uniu duas advogadas em uma missão: “temperar” a rotina de quem quer se alimentar de forma consciente. “Não usamos óleo, nada com sódio, não colocamos corantes nem conservantes, mas a nossa comida tem tempero, como se fosse de casa. Usamos muito alho e cebola”, avisa Luisa Gontijo, que, ao lado de Sarah Rosa, cria as receitas da Gergelim. Os pratos chegam congelados e ficam prontos em cinco minutos (em banho-maria ou no micro-ondas). A cada semana, o cardápio muda, mas os queridinhos não podem ficar de fora. Entre eles, fusili integral ao pesto com cubos de frango grelhado, lagarto desfiado com purê de batata-doce e escondidinho de moranga com patinho desfiado. As criações mais recentes da dupla são frango ao molho de gorgonzola e arroz integral com brócolis e lascas de amêndoas e sobrecoxa assada com mel orgânico e shoyu e purê de batata-inglesa. No congelador, os pratos duram até 90 dias. As sócias devem começar, em breve, a produzir lanches e sucos, dessa forma podem oferecer um plano diário de alimentação saudável.


Publicidade