Publicidade

Estado de Minas CULTURA

Projeto Conto Sete em Ponto estreia temporada com o protagonismo feminino

Com transmissão pelo YouTube e pelo Facebook, projeto de literatura oral estreia com histórias inspiradas no clássico 'Mulheres que correm com os lobos'


26/05/2021 15:32 - atualizado 26/05/2021 15:52

Criado em 1998, o projeto já se apresentou por 15 anos em Belo Horizonte e teve edições especiais em Ouro Preto e Nova Lima. Agora, a proposta será na versão on-line(foto: Aletria/Divulgação)
Criado em 1998, o projeto já se apresentou por 15 anos em Belo Horizonte e teve edições especiais em Ouro Preto e Nova Lima. Agora, a proposta será na versão on-line (foto: Aletria/Divulgação)
“Os lobos maus que se cuidem, porque nós mulheres do século 21 estamos atentas às armadilhas da floresta”. É com esse alerta que a idealizadora do projeto Conto Sete em Ponto, Rosana de Mont’Alverne, convida os admiradores do universo da literatura oral para a estreia da nova temporada, nesta quinta-feira (27/5), pelo YouTube e pelo Facebook do Instituto Cultural Aletria.

LEIA TAMBÉM: Mulheres que cumprem pena na Gameleira se tornam contadoras de história

De acordo com Rosana, o tema escolhido foi “Mulheres que vencem os lobos”, inspirado no clássico “Mulheres que correm com os lobos”, da psicóloga e poeta Clarissa Pinkola, que tem como objetivo no primeiro encontro celebrar a força das mulheres.

Para isso, sete contadoras de histórias aceitaram o desafio de narrar contos do protagonismo feminino em cinco minutos de prosa.
 
“É com grande alegria que anunciamos o retorno do projeto Conto Sete em Ponto com essa temática na estreia. Achamos que é o momento adequado para estrear com esse olhar do lugar do feminino na sociedade. As histórias todas abordarão esse universo e será um espetáculo muito bonito, com momentos muito divertidos”.

LEIA TAMBÉM: Bordado e literatura contam histórias no sarau on-line do Sesc Palladium
 
Criado em 1998, o projeto já gerou a publicação de dois livros, teve edições especiais em Ouro Preto e Nova Lima, além ter sido realizado presencialmente durante 15 anos em Belo Horizonte.

A nova temporada vai apresentar, sempre na última quinta-feira do mês, às 19h em ponto, 10 contadores de histórias que vão se reunir em contextos de diversas temáticas.
 
Os apresentadores fixos serão Rosana de Mont'Alverne e os escritores e contadores de histórias Marcelino Xibil e José Bocca. No decorrer do projeto, serão convidados outros profissionais ligados à literatura oral.
 
Mont’Alverne conta que a versão on-line busca referências nos programas de rádio e também nos podcasts, e na temporada haverá quadros novos dentro do Conto Sete em Ponto.

Um deles é “O meu perrengue como contador de histórias”, inspirado na própria vida dos contadores de histórias que atravessam séculos para disseminar a cultura por meio da oralidade.
 
“É assim, repaginado e sintonizado com a vida contemporânea, que a iniciativa inicia uma nova temporada, que poderá alcançar mais pessoas com o objetivo de divulgar a tradição oral dos povos dos Brasil, dos grandes autores da literatura nacional e estrangeira”.
 
As convidas para a estreia são:
  • Branca Antunes conta “Mulheres Corajosas”
  • Marly com Y conta “Carolina Maria de Jesus, uma mulher de luta”
  • Marilene Lemos conta “O urso da meia lua”
  • Maria Célia Nunes conta “La loba, a mulher lobo”
  • Denise Arantes conta “A força da palmeira”
  • Doni Barrett conta “A boneca no bolso: Vasalisa, a sabida”
  • Ângela Rabelo conta “A História de Helen Keller”


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade