Publicidade

Estado de Minas

Morre o escritor e psicanalista Contardo Calligaris

Aos 72 anos, ele estava internado em São Paulo


30/03/2021 14:49 - atualizado 30/03/2021 15:15

Contardo Calligaris durante edição do Café Filosófico, em Campinas, no ano de 2009. (foto: Foto: Rodrigo Cancela /Wikimedia Commons / Reprodução)
Contardo Calligaris durante edição do Café Filosófico, em Campinas, no ano de 2009. (foto: Foto: Rodrigo Cancela /Wikimedia Commons / Reprodução)
Morreu nesta terça-feira (30/3) o escritor, psicanalista e dramaturgo Contardo Calligaris. Ele tinha 72 anos e estava internado no Hospital Albert Einstein, na Zona Sul de São Paulo, em tratamento contra um câncer. A informação da morte foi confirmada pelo filho Max Calligaris em uma postagem no Instagram.

 

"Espero estar à altura'. Diante da proximidade da morte, essa foi a frase do meu pai. Ele se foi agora. 1948-2021", publicou Max, que é diretor de cinema. Um dia antes, ele havia usado a rede social para negar boatos de que o pai havia falecido.

 

Nascido em Milão, na Itália, Contardo teve seus primeiros contatos com o Brasil em 1986, quando divulgava o livro "Hipótese sobre o fantasma".Acabou se mudando de vez e publicando outros vários livros.

 

Ele também se tornou colunista do jornal Folha de S. Paulo, em 1999, publicando seu último texto em fevereiro deste ano.

  

Na TV, Calligaris foi roteirista da série Psi, do canal HBO, lançada em 2014. Baseada em sua própria experiência como psicanalista, a produção tem uma trama ambientada no dia a dia de um consultório. A direção foi do filho, Max, ao lado de Marcus Baldini.

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade