Publicidade

Estado de Minas EXPOSIÇÃO

Mostra on-line discute o nosso mundo ultraconectado

A exposição 1Tecnologia: em direção a sobriedade digital?', promoção da Aliança Francesa, será aberta nesta segunda (9)


09/11/2020 04:00

(foto: Jeff Kravitz/Film magic)
(foto: Jeff Kravitz/Film magic)

A dependência das pessoas em relação à conexão virtual é um dos aspectos abordados na exposição virtual Tecnologia: em direção à sobriedade digital?, que a Aliança Francesa promove a partir desta segunda-feira (9). O evento convida à reflexão sobre a sociedade ultraconectada deste século 21. Fruto de pesquisas realizadas por Pierre-Yves Bocquet, a mostra foi idealizada pelo Palais de La Découverte (Palácio da Descoberta) e pela Cité des Sciences et de l'Industrie (Cidade das Ciências e da Indústria). Descarte, fabricação de aparelhos, poluição e danos ambientais estão em debate por meio de imagens (foto) e filmes. Informações: https://aliancafrancesabh.com.br/exposicoes/, aliancafrancesabh.com.br e afbh@aliancafrancesabh.com.br

CLIPE
MAÍRA BALDAIA

Tempoiô, videoclipe da cantora e compositora Maíra Baldaia, destaca o afropop mineiro. A canção fala sobre o tempo e presta tributo a Iroko, orixá ligado a ele. A canção faz parte de Remix-se, o primeiro EP da artista, que será lançado nos próximos meses. Um time feminino se aliou a Maíra  neste projeto: Débora Costa (produção e direção musical), Joana Bentes (mixagem e masterização), Clara França (direção do clipe), Cookie e Carina Fonsc (figurino) e Tainá Evaristo (produção-executiva). Thiago Quintino gravou o piano e Fernando Leles assina a direção de arte do clipe. Informações: www.youtube.com/mairabaldaia e www.facebook.com/mairabaldaiaoficial.

QUARTO
GRITO DE SOCORRO

Rock setentista e MPB inspiraram Nosso quintal, single do trio mineiro Quarto, disponível nas plataformas de streaming. A pandemia e o momento de crise enfrentados pelo mundo são temas das canções de Tiago Timbrado (voz, guitarras e direção musical), Zé Cotché (voz e violão) e Pretto Ferreira (bateria). “É um grito de socorro clamando por uma mudança de valores, para olharmos para o que realmente importa”, afirma Timbrado. Em 2017, Quarto lançou o disco Onde começa o infinito, com oito faixas.

(foto: Flickr/divulgação)
(foto: Flickr/divulgação)

CURSO
ELISA FREIXO

A organista Elisa Freixo (foto), que por muitos anos se dedicou a difundir a música erudita em Mariana e Tiradentes, promove curso sobre O Messias, o aclamado oratório de Handel, na plataforma Zoom. Composta em 1741, a obra se baseia em textos bíblicos que contam a história de Jesus Cristo. As aulas ocorrerão em 14, 22 e 28 de novembro e 5 e 6 de dezembro, sempre às 10h. Informações e inscrições: efreixo@terra.com.br

(foto: Vitrine Filmes/divulgação)
(foto: Vitrine Filmes/divulgação)

HORROR BRASILEIRO
MARCO DUTRA

Quando eu era vivo, filme de Marco Dutra estrelado por Marat Descartes (foto), será exibido nesta segunda-feira (9), às 18h, na Mostra macaBRo – Horror Brasileiro Contemporâneo, que reúne 44 longas e curtas-metragens produzidos pela nova geração de cineastas dedicados ao gênero. As sessões on-line são gratuitas, transmitidas pela plataforma darkflix.com.br/macabro. Os filmes ficarão disponíveis 24 horas, com limite de visualizações, no caso dos longas, e durante uma semana, no caso dos curtas. Às 19h, Dutra participa de live ao lado do curador do evento, Carlos Primati. Às 20h, estará em cartaz o filme Terminal Praia Grande, de Mavi Simão.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade