Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Helvécio Carlos


postado em 18/02/2019 05:04

(foto: Helvécio Carlos/EM/D.A Press)
(foto: Helvécio Carlos/EM/D.A Press)

 

 

DE OLHO NA FOLIA
ROSA, AZUL E LARANJA

Hors concours no quesito irreverência, a Banda Mole abrirá o carnaval de Belo Horizonte no sábado que vem, com o tema “Este ano a Banda Mole tá com tudo e não tá prosa”. O lema é: meninos vestem rosa, meninas vestem azul e o diabo veste laranja. O desfile, que marca os 44 anos da agremiação, começa às 13h, na Avenida Afonso Pena.

HAVAYANAS USADAS
CARNAVAL INCLUSIVO

Integrantes da ONG TransVest, Michelly Colt, Thaysa Abalone e Ludmilla Ferraz farão participação especial como porta-estandartes no desfile do Havayanas Usadas. Fruto da parceria iniciada no ano passado, o bloco promoveu oficina de musicalização percussiva com instrumentos construídos em material reciclável, além de rodas de conversas para discutir coletivamente a melhor forma de participação da ONG tanto no desfile quanto no cotidiano
do Havayanas.

lll

Com o tema “Soy loco por ti, carnaval”, o bloco sairá em 4 de março, às 11h, da Avenida dos Andradas, 3.760, ao ritmo de lambada, salsa, rumba, cumbia, merengue, reggaeton e axé music. A ONG Trans Vest foi idealizada por Duda Salabert e é coordenada por Carol Sales.

 

TURISMO
VOLTA AO MUNDO

Flávio Geo e a Talento Joias recebem convidados amanhã, a partir das 18h30, no Fasano, para o lançamento da revista Viajar com Flávio Geo.
O encontro terá a participação especial da
artista Klaucia Badaró. A cereja do bolo é o
sorteio de viagens e de uma joia.

SEMPRE UM PAPO
TEMPORADA PAULISTA

Afonso Borges anuncia as primeiras
edições do ano do projeto Sempre um Papo.
Sueli Carneiro, importante autora do
 feminismo negro, abre a programação
em 13 de março, no Sesc 24 de Maio, em São Paulo. Haverá debate e lançamento do livro Escritos de uma obra (Editora Letramento), que reúne artigos publicados por ela. Em 27 de março, será a vez do professor Clóvis de Barros Filho, no Sesc Santo André (SP). Autor de livros sobre ética, Clóvis falará sobre o tema “O imaginário antigo e os dilemas contemporâneos” e autografará Deuses para Clarice (Editora Benvirá). A programação na capital mineira será anunciada em breve.

CINDERELA POP
O COMEÇO

A mineira Paula Pimenta aguarda ansiosamente a estreia do filme Cinderela pop, baseado em seu livro homônimo e protagonizado por Maisa Silva. “Fiz questão de uma sessão de pré-estreia em Belo Horizonte. Foi aqui que o livro nasceu, onde a história é contada. Estou muito ansiosa para saber se meus leitores vão gostar do filme como gostaram do livro e se o público vai se apaixonar por minha Cinderela pop”, diz ela. Sábado, a partir das 11h30, o longa será exibido na sala da Cineart do Minas Shopping, com as presenças de Paula e Maísa. Às 10h30, as duas farão fotos com espectadores que apresentarem o ingresso.

FILARMÔNICA
HOMENAGEM A BRUMADINHO

Quinta-feira, na primeira apresentação da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais deste ano, foram homenageadas as vitímas da tragédia de Brumadinho. “Abertura de temporada é momento de celebração e otimismo, mas gostaríamos de dedicar o concerto desta noite para consolar e também nos fazer entender os desafios do dia a dia e o nosso papel em tentar minimizá-los”, afirmou o maestro Fabio Mechetti. “Queria dedicar este concerto às vítimas da tragédia em Brumadinho. E, assim como Liszt e Mahler mostraram com suas obras a superação em busca da esperança, é isso que a gente deve fazer também enquanto sociedade”, completou.


Publicidade