Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Garimpo no Cruzeiro


postado em 01/12/2018 05:05

João Cavalcanti e Marcelo Caldi prometem show animado para lançar o disco Garimpo(foto: Eduardo Martino/divulgação)
João Cavalcanti e Marcelo Caldi prometem show animado para lançar o disco Garimpo (foto: Eduardo Martino/divulgação)

Durante o show no Distrital do Cruzeiro, João Cavalcanti vai lançar o disco Garimpo. À primeira audição, o álbum pode causar estranhamento. Não que isso seja ruim, muito pelo contrário. O próprio artista reconhece que o projeto é fruto de importante mudança em sua carreira.

“Ao longo de 20 anos, sempre tive os mais variados parceiros e transitei em todos lugares. Sou estrangeiro e insider ao mesmo tempo, daí a diversidade sonora do disco”, explica. “Garimpo me deu a oportunidade de me expor, de me mostrar sem defesas, pois traz só a minha voz e o instrumento. Ele abarca muitos gêneros. Percebo a surpresa por parte de quem me ouve. Brinco que é reintegração de posse sem violência, justamente por revelar a minha diversidade como compositor”, diz João Cavalcanti.

Produzido em parceria com um velho amigo, o compositor, sanfoneiro, pianista e arranjador Marcelo Caldi, o CD tem 14 faixas. Só Serpentina (Marcelo Caldi e Edu Krieger) não leva a assinatura de João. “Eu e Marcelinho sempre nos nos encontramos. Ele participou dos discos do Casuarina, minha antiga banda, e de Placebo, meu primeiro trabalho solo”, conta.

O repertório traz as preciosidades O nego e eu (feita por João para a cantora Roberta Sá), Dia lindo (parceria dele com Joyce Moreno), A causa e o pó (com Lenine) e o xote Sercidade (com Caldi), além de Valsa do baque virado, gravada pelo MPB-4, canção de Cavalcanti e Mario Adnet. A faixa-título é parceria de João com Antonia Adnet, filha de Mario.

Indivídua, de João e Pedro Luís, ganhou videoclipe estrelado por Camila Pitanga, com direção de Alexandre Nero. “Nero nunca tinha dirigido ninguém, além dele mesmo. No clipe, parece que já faz isso há 50 anos”, revela Cavalcanti.

GARIMPO
. De João Cavalcanti e Marcelo Caldi
. Som Livre/MP, B
. R$ 24,90


Publicidade