Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

conta-gotas


postado em 02/06/2019 04:08

(foto: Túlio Santos/EM/D.A Press %u2013 22/9/18)
(foto: Túlio Santos/EM/D.A Press %u2013 22/9/18)

Mitos e verdades sobre a low carb

 

A Associação Americana do Diabetes, em inglês American Diabetes Association (ADA), publicou diretrizes atualizadas para 2019, em que recomenda a prática alimentar low carb como alternativa dietética válida para o tratamento de diabetes tipo 2. Entre as vantagens comprovadas da estratégia alimentar para a doença, segundo a ADA, estão perda de peso, redução da pressão arterial, aumento do HDL, o chamado colesterol bom, e redução dos triglicerídeos. Os médicos José Carlos Souto e Rodrigo Bomeny, diretor-presidente e diretor científico de medicina da Associação Brasileira LowCarb (ABLC), esclarecem algumas dúvidas a respeito do consumo de carboidratos e dos resultados que podem ser alcançados com a low carb.

1 – É dieta da moda?
A low carb é uma prática alimentar das mais populares. Certamente o termo dieta cetogênica (um dos espectros da estratégia low carb) é um dos mais pesquisados na ferramenta de busca Google. Contudo, quando chamam essa abordagem de “dieta da moda”, há coisas que estão na moda e são ruins e outras que são ótimas. “A popularidade não é o critério pelo qual se determina o mérito científico”, diz o diretor-presidente da ABLC. Souto explica que low carb é, sobretudo, uma alimentação restrita em produtos refinados, alimentos processados e grãos. Essa era basicamente a forma como nossos ancestrais se alimentavam, em um período anterior ao surgimento da agricultura.

2 – Carboidratos são essenciais para o desenvolvimento físico?
A crença geral é de que apenas a glicose (encontrada no carboidrato) é capaz de gerar energia suficiente para a prática esportiva e, consequentemente, para o desenvolvimento físico. O diretor-presidente da ABLC explica que a gordura é uma ótima fonte energética, pois tem mais do que o dobro de calorias do que os carboidratos. Além disso, existe em maior quantidade no corpo, visto que o mesmo tem capacidade maior em armazenar gordura do que glicose.

3 – O cérebro precisa de carboidratos para funcionar?
O cérebro precisa de glicose para funcionar – algo em torno de 130 gramas – o que se traduz em cerca de 500 calorias por dia. Mas o fato de que o cérebro precisa de glicose não significa que esta precise ser adquirida por meio da dieta, no caso, por meio de uma alimentação rica em carboidratos. O médico explica que o cérebro apenas depende primariamente de glicose em quem se alimenta à base de glicose.

 

 

 

 

O café pode inibir o sono?

O consumo moderado de café é benéfico para a concentração e o rendimento diário, mas é importante se atentar ao horário para não prejudicar o descanso noturno. Estudo realizado pelo Laboratório de Biologia Molecular de Cambridge, na Inglaterra, e publicado na Science Translation Medicine, revelou que a cafeína pode alterar o ciclo circadiano, pois age como indutora do período da vigília e libera neurotransmissores que estimulam as células cerebrais. “A cafeína é uma substância estimulante do sistema nervoso central. Em doses moderadas, produz ótimo rendimento físico e intelectual, com aumento da capacidade de concentração e agilidade nos estímulos sensoriais. Por outro lado, doses elevadas podem causar ansiedade, nervosismo, tremores musculares, taquicardia, zumbido e aumento do estado de vigília, comprometendo o sono”, explica a consultora do sono da Duoflex Renata Federighi.

 

 

Musculação ajuda a  combater
a depressão e a ansiedade

Uma vida fitness pode não apenas significar um corpo sarado e músculos definidos, mas também está cientificamente comprovado que pode combater a depressão, aliviar a ansiedade e elevar a autoestima. Estudo publicado no periódico JAMA Psychiatry comprovou que praticar musculação pode ajudar a combater a depressão, que é considerada pela OMS como a doença do século 21. A atleta fitness e Personal Trainer Patricia Mello utiliza ferramentas de coaching para atender seus clientes e diz ser recorrente os efeitos benéficos seja no âmbito emocional como também psicológico: “Os resultados variam, seja entrar num vestido/roupa/biquíni para uma ocasião especial, ir a um evento, manter um corpo definido, ter mais músculos ou menos gorduras etc., mas isso não é o mais importante. O resultado que se quer ver em frente ao espelho precisa começar com atitudes que estão mais ligadas ao nosso mundo interno, ou seja, a jornada é mais importante do que o resultado, porque uma vez que você aprende o caminho, alcançar o resultado se torna mais fácil”. Patrícia Mello diz que nunca é tarde para começar a praticar exercícios físicos e começar a experimentar os benefícios: “É possível provar uma conexão de longo prazo entre uma vida fitness, a depressão e a ansiedade e que a musculação ou a prática de atividade física regular pode proporcionar melhorias no humor, no equilíbrio e, principalmente, na autoestima”.

 

Receitas para  pacientes oncológicos

O Serviço de Alimentação do Hospital Sírio-Libanês, com o apoio do Centro de Oncologia da instituição, preparou o Guia de receitas para o paciente oncológico, que tem versão on-line gratuita já disponível ao público no site www.hsl.org.br. A ideia é trazer dicas de alimentação variada, com receitas simples e cheias de sabor, repletas de nutrientes funcionais que minimizam alguns dos efeitos colaterais comuns no tratamento da doença, como náuseas e vômitos, falta de apetite, feridas na boca e língua, entre outros. Além, é claro, de contribuir para a melhora do prognóstico, ajudar na manutenção do peso adequado e otimizar as funções imunológicas. Para quem está em tratamento ou em recuperação, as receitas servem como uma forma de unir família e amigos, mantendo uma rotina saudável, capaz de trazer benefícios para corpo e mente, já que os pratos podem ser consumidos por toda a família.


Futuro da Saúde

A Unimed-BH está realizando o Festival Desperta com várias atrações, palestras e shows. Na Praça Floriano Peixoto, a medicina do futuro e a visão holística da saúde serão temas de três mesas redondas hoje. As palestras terão a presença de nomes-chave para a reflexão sobre o futuro da saúde, como o empreendedor e pesquisador Gustavo Ziller – premiado como um dos profissionais mais inovadores do Brasil; Leonardo Aguiar – cirurgião plástico formado em inovação e criatividade pela Singularity University e Juliana Luna – co-idealizadora do projeto YEMISI, que promove vivências de ioga, identidade e autocuidado. Para o diretor-presidente da Unimed-BH, Samuel Flam, a medicina precisa enxergar o indivíduo para além do aspecto físico, considerando também sua condição mental e, até mesmo, espiritual. “A medicina não pode mais se ater a solução de problemas. Isso, além de dispendioso, gera sofrimento e resultados piores do que quando investimos na prevenção e num cuidado integrado. Nesse sentido a tecnologia e as práticas tradicionais, como a meditação, podem ser grandes aliadas, uma com foco no aspecto físico e a outra cuidando da mente e da alma.” O evento começa às 10h30, com entrada franca.


Prática de ioga

A professora Maria José Marinho, do Ponto de Equilíbrio, dedica alguns horários exclusivos de aulas de ioga e meditação para cristãos, pessoas com restrições e para crianças e adolescentes. A prática da ioga é uma forma de despertar e manter a energia do corpo e da mente. A meditação para crianças vai ao encontro crescente de pais e crianças encontrarem tranquilidade física e mental, em tempos tão exigentes. A prática promove o relaxamento e a concentração, estimula a percepção e criatividade, aumenta a autoestima, incentiva a postura correta, aperfeiçoa a coordenação motora, melhora os padrões respiratórios, entre outros benefícios. Agende uma sessão avulsa pelo whatsApp (31) 99145-7178 ou 3225-42222.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade