Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

Passageiros brasileiros de companhias aéreas ignoram seus direitos

Pesquisa da AirHelp mostra que só 5% dos clientes do país têm alguma ideia a respeito do que podem reivindicar das empresas de aviação


postado em 19/11/2019 04:00

 (foto: Carlos Altman/EM)
(foto: Carlos Altman/EM)

PELO AR
DIREITOS DOS PASSAGEIROS

A AirHelp, empresa líder em campanhas de ajuda a passageiros, em sua mais recente pesquisa mundial para saber quais são os países em que as pessoas que viajam de avião têm maior conhecimento de seus direitos, descobriu que apenas 5% dos brasileiros têm alguma ideia a respeito deles. Ouviu 2.106 passageiros no Brasil e verificou que a turma anda boiando na maionese. A AirHelp verificou também que as empresas aéreas do país não fazem a menor questão de informar o cliente sobre seus direitos e deveres. E aí a coisa acaba ficando por isso mesmo.

A advogada mineira Cristiana Fortini obteve o terceiro lugar em compliance no Anuário Análise Advocacia 500 deste ano (foto: Interface Comunicação/Divulgação)
A advogada mineira Cristiana Fortini obteve o terceiro lugar em compliance no Anuário Análise Advocacia 500 deste ano (foto: Interface Comunicação/Divulgação)


ENCCLA
REUNIÃO EM BH

O ministro da Justiça, Sérgio Moro, está sendo esperado em BH para participar da 17ª Reunião Plenária da Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (Enccla), iniciada ontem na sede da Controladoria Regional da União de Minas Gerais, situada na Rua Timbiras. O encontro, que termina na sexta-feira, reúne representantes de 90 entidades ligadas aos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário que atuam diretamente na prevenção e combate à corrupção.

***

A Enccla é o maior e o mais diversificado grupo formado no Brasil para tentar diminuir a onda de atos criminosos contra o erário público e reprimir a lavagem de dinheiro. Com pauta das mais complexas e vastas, o objetivo do encontro é dar os retoques finais no Plano Nacional contra a Corrupção.

PREFEITOS
COTAÇÃO NO MOMENTO

O prefeito de BH, Alexandre Kalil, acabou se saindo muito bem na recente pesquisa sobre o desempenho dos governantes das capitais promovida pela Quaest Consultoria por meio de consultas nas redes sociais e com base no Índice de Popularidade Digital. Kalil está em primeiro lugar, seguido do prefeito de Salvador, ACM Neto. O paulistano Bruno Covas, que tinha ficado em 14º lugar na última pesquisa, acabou pulando para o 4º lugar.

FÓRMULA 1
NÃO ABRE MÃO

O governador João Doria está fazendo de tudo para acabar de vez com a intenção do presidente Jair Bolsonaro de tirar a corrida da Fórmula 1 de São Paulo e transferi-la para o Rio de Janeiro. Por enquanto, Doria está ganhando a parada. Aproveitou a realização do Grande Prêmio Brasil na capital paulista para se reunir com a direção da Liberty Media, empresa que controla a Fórmula 1, para tratar da renovação do contrato. Doria quer manter o privilégio paulistano por pelo menos 10 anos. O único empecilho é que São Paulo deve à Liberty Media a taxa de direitos da corrida dos últimos três anos.

CONGRAÇAMENTO
BACHARÉIS DE 1965

Foi marcada para 23 de novembro a reunião da turma de bacharéis de 1965 da Facudade de Direito da PUC Minas, destinada a comemorar os 54 anos de formatura. A confraternização da rapaziada, no San Francisco Flat, será em forma de almoço e começa ao meio-dia. Fazem parte do grupo os desembargadores Armando Pinheiro Lago, Edval José de Morais e Celso Maciel Pereira, o professor Sacha Calmon, o ex-vice-cônsul de Portugal Otacílio Vieira Cristo e o ex-deputado federal Marcos Tito. A turma de 1965 reunia cerca de 70 bacharéis.

GUIMARÃES ROSA
52 ANOS DE MORTE

A data de hoje marca o aniversário de 52 anos da morte de Guimarães Rosa. Dizem que três dias antes de falecer, em 19 de novembro de 1967, durante sua posse na Academia Brasileira de Letras, o escritor mineiro, considerado uma das maiores figuras da nossa literatura, teria comentado: “A gente morre é para provar que viveu.” Um infarto fulminante levou Guimarães, aos 59 anos. Até hoje tem gente que gosta de adicionar algumas doses de mistério ao falecimento dele. Sua obra revolucionou a linguagem da literatura brasileira. Dispensa adjetivos.

AUTOMÓVEL CLUBE
LILIAN'S DANCING NIGHT

O Salão Verde do terceiro andar do Automóvel Clube foi o local escolhido por Lilian Furman para encerrar, na noite da próxima sexta-feira, a série de jantares dançantes promovidos por ela em vários locais da praça, com destaque para os restaurantes Provincia di Salerno e La Traviata. Haverá sorteio de presentes natalinos. A pista de dança ficará no Salão Privé. Cardápio especial do chef Nélio. Música dos anos 1960 a 1980.

LA LAGARDÈRE
BASE NA PAULICEIA

A milionária franco-mineira Bethy Lagardère, que há muito não circula oficialmente por BH e anda sumida das colunas sociais cariocas, ao que tudo indica está marcando presença em São Paulo. Foi vista no Municipal paulistano na estreia da famosa opereta A viúva alegre. Entre outras, chamava a atenção por ter passado a usar duas mechas brancas no cabelo, em vez de uma. Ao que parece, não tem muitas saudades de Paris.




*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade