Publicidade

Estado de Minas

História do pão francês contada em exposição na capital mineira

Mostra Quel pain mangeron-nous demain? (Que pão comeremos amanhã?) será inaugurada na próxima sexta-feira (13)


postado em 11/09/2019 04:00

FLASH
 
Cris Camargo e o arquiteto Paulo Sérgio Niemeyer, bisneto de Oscar Niemeyer, condutores do Fórum Mundial Niemeyer, em estudos para ocorrer na Pampulha em 2020(foto: R. Guerra/Divulgação)
Cris Camargo e o arquiteto Paulo Sérgio Niemeyer, bisneto de Oscar Niemeyer, condutores do Fórum Mundial Niemeyer, em estudos para ocorrer na Pampulha em 2020 (foto: R. Guerra/Divulgação)
 
Dados estatísticos sobre os postos de gasolina em BH informam que esses locais estão diminuindo na capital. Os terrenos dos postos geralmente são vendidos para sediar a construção de edifícios. No entanto, nem tudo está perdido. Esta semana a rede Ale inaugura três novos postos na Grande BH, à margem da rodovia que vai para o aeroporto de Confins,  Linha Verde. Para atrair o público, um carro campeão de stock car de Rubinho  Barrichello vai circular entre os postos.

O pão de amanhã
Aliança Francesa
A rainha francesa Maria Antonieta(foto: Reprodução)
A rainha francesa Maria Antonieta (foto: Reprodução)

Um das histórias mais famosas sobre o pão como o alimento vital para o povo ocorreu durante a Revolução Francesa. Foram informar à rainha Maria Antonieta que o povo francês estava passando fome porque não tinha pão para comer. Aí a rainha, folgadamente, disse a seus interlocutores: “Se eles não têm pão, que comam brioches”. Pois é. Sexta-feira, a Aliança Francesa de BH inaugura a exposição Quel pain mangeron-nous demain? (Que pão comeremos amanhã?). A mostra é interessante, pois focaliza a história do pão a partir de 14 mil anos atrás. Como se sabe, em matéria de pão, os franceses são professores. A exposição questiona qual o pão que vamos comer no futuro? Se não for pão envenenado por partículas radioativas ou por agrotóxicos, tudo bem.

Bazar Prime
Jornada Solidária

Hoje, às 17h, dirigentes da Jornada Solidária, os RPs Phillip Martins, Jackie Verneuil, Maria Flávia Zech Coelho e Manu Diniz e representantes das marcas e lojas participantes do primeiro Bazar Prime da Jornada se reunirão no Espaço Fasano para tratar de todas as questões finais da organização do evento. Na segunda-feira (16), Naty Vasconcelos, Anna Barroso e modelos da agência Live MGT serão fotografadas por Breno Mayer, com produção de Bianca Perdigão, com algumas das criações que estarão à venda. Toda a renda da promoção será destinada às obras realizadas nas creches beneficiadas pela Jornada Solidária Estado de Minas. O programa de responsabilidade social dos Diários Associados em Minas ajuda 13 creches comunitárias na cidade. Atualmente, está reformando a Creche Comunitária Padre Francisco Moreira, no Bairro São Geraldo.

>>>

Engrossando o time das marcas participantes está a top de couto Patrícia Motta. Para a loja da Jornada Solidária chegaram doações das grifes Victor Dzenk, Skunk, Divina Pele, Lu Pessanha e Rogério Costa. O bazar Prime será dias 24 e 25 de setembro, no espaço Fasano, das 14h às 20h. O patrocínio é da LF Loja das Festas, com co-patrocínio da Central Press. Parceria da Favo, tábuas de frios.

Exposibram 2019
Controle à distância

No meio da parafernália de equipamentos para mineração que estão sendo exibidos na Expo 2019 do Congresso Brasileiro de Mineração, ora em cartaz no Expominas, está o do sistema de operação à longa distância de um trator de esteira para extração mineral que se encontra em uma mina a céu aberto na cidade de Tucson, nos Estados Unidos. O visitante da feira, ou melhor, o empresário interessado na compra do equipamento, é convidado a entrar na cabine de controle remoto da Sotreq, a fim de manejar de lá mesmo o trator estacionado há milhares de quilômetros. O manejo à distância é feito com a maior facilidade. A nova tecnologia oferece, entre outras vantagens, a operação automática de um trator pesado com 100% de segurança. Do seu escritório, o empresário poderá operar o trator. Nada de desabamento de minério ou coisa assim.

Título
Cidadão honorário de BH

O presidente do Hospital Lifecenter, Glauco Michelotti, executivo carioca que atuou por longo tempo em São Paulo e que há mais de cinco anos comanda um dos maiores hospitais de Minas Gerais, será homenageado hoje pela Câmara Municipal de Belo Horizonte, que lhe vai conceder o título de cidadão honorário da capital mineira. A sessão solene de entrega da honraria será às 19h, sob a presidência da vereadora Nely Aquino. O autor da proposição é o vereador Léo Burguês de Castro.

Londres
Imprensa em discussão

O senador Antonio Anastasia, no momento, encontra-se em Londres, onde está participando do Seminário Internacional Parlamentar sobre Liberdade de Imprensa na condição de representante oficial do Congresso Nacional. Da capital inglesa, informa à coluna que no encontro estão sendo debatidos problemas que afetam as áreas de comunicação do mundo todo, inclusive do Brasil, é claro. Entre os temas mais importantes em discussão estão as fake news, financiamento de grandes cadeias e de pequenos e médios jornais, a sobrevivência da imprensa escrita, dificuldades da atuação da imprensa em países com governos autoritários, a formação especifica de profissionais para o setor, etc. As perspectivas futuras oscilam entre muito e pouco pessimistas, mas a esperança é sempre a última que morre. 

Pesar
Neném Gutierrez

A sociedade mineira tradicional lamentando o falecimento de dona Neném Gutierrez, uma das grandes damas dos círculos sociais não só de Minas como do país, ocorrido no final de semana por causas naturais. Descendente de italianos, da família Tomazi, casou-se com o empresário Flávio Gutierrez, um dos fundadores da construtora Andrade Gutierrez, quando a empresa ainda engatinhava. Acompanhou o marido em todos os capítulos que envolveram a transformação da construtora em uma das maiores do país. No início, ela e Flávio moraram em acampamentos perdidos no interior, em lugares inóspitos e selvagens. O casal teve três filhos – Angela, Cristiana e Roberto. Este faleceu cedo, o que lhe causou um grande choque. Grande anfitriã, comunicativa, simpática, elegantíssima no vestir, foi das principais figuras da sociedade belo-horizontina durante várias décadas. Deixa saudades.

DiamondMall
Hiato de 23 anos

Inaugurado em 1996 ocupando a área do antigo campo do Atlético em Lourdes, somente agora, 23 anos depois, é que o shopping DiamondMall vai contar com sua primeira loja de departamentos. Trata-se da Renner, a veterana empresa gaúcha de roupas, que já tem filiais na cidade. Outras novidades do mall são a Grand Cru, loja de vinho, e a Nespresso, loja de máquinas de capsulas de café.


Publicidade