Publicidade

Estado de Minas

Mário Fontana


postado em 21/07/2019 04:00


Não há por onde negar. O fato mais importante da data de hoje é o astronauta Neil Armostrong ter sido o primeiro ser humano a caminhar no solo estéril da Lua, em 1969. Como se sabe, tem muita gente que não acredita nisso. Hoje também é a data de nascimento do polêmico escritor Ernest Hemingway, registrado em 1899. Em 1961, ele cometeu suicídio. Em 21 de julho de 1944, o coronel Claus von Stauffenberg foi fuzilado às pressas, em Berlim, por ser um dos chefes da conspiração para matar Adolf Hitler. Last but not least, hoje é dia do aniversário de 69 anos do locutor esportivo Galvão Bueno.

ANTONIO GUERREIRO 
50 anos de carreira 

O fotógrafo Antonio Guerreiro, que mora no Rio de Janeiro, português nascido por acaso em Madri, veio para o Brasil com 5 anos. Aqui, tornou-se um dos profissionais mais celebrados da fotografia artística e social. Durante mais de 30 anos, fotografou figuras famosas da sociedade nacional, inclusive mineiros. No momento, está completando 50 anos de atividades profissionais. Apesar de consagrado, Guerreiro ainda não tem um livro-catálogo a respeito de sua trajetória, uma retrospectiva das principais fotos, todas em preto e branco. Como se sabe, fotógrafo de expressão não se dá ao luxo de fazer imagens coloridas.

>>>

O livro de Antonio Guerreiro será lançado no Rio e depois em São Paulo e Belo Horizonte. Neste domingo, a coluna publica, em primeira mão, a foto da saudosa mineira Ângela Diniz (1944-1976) que integra a obra.

ENEM/MG
Reflexo do Brasil 

A edição deste ano do Exame Nacional do Ensino Médio, o famoso Enem, conta com 5 milhões de candidatos. Esse número já foi muito maior. Já o número de inscritos em Minas Gerais é de 534.646, ou seja, pouco mais de 10% do total nacional. O que chama a atenção no perfil dos candidatos de Minas referente a sexo, cor e raça é que os dados representam um reflexo direto do que ocorre com a atual população do Brasil. Os dados são impressionantes. A começar pela predominância das mulheres: 323.609 inscritas. Os homens (antes maioria esmagadora) são 211.037. O sexo feminino representa 60,5% do total.

>>>

Os pardos representam 43,5% do total de inscritos, ou seja, 232.471 candidatos. Já os brancos entram em segundo lugar: 37,8% do total, perfazendo 202.233 inscritos. Os pretos são 75.153 – 14,1% do total. Os amarelos são 11.788, correspondendo a 2,2%. Finalmente, vêm os indígenas – apenas 2.139 candidatos, 0,4% do total. São poucos, mas é uma boa notícia. Sinal de que permanecem atuantes na população mineira. Curiosamente, 10.862 inscritos não declararam nem raça nem cor. Os dados são do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais. No frigir dos ovos, Minas se tornou um retrato do Brasil. Sem tirar nem pôr.

VAI DEMORAR
BR-381 e BR-262

As quatro audiências públicas a serem promovidas pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) para tratar da duplicação de dois trechos das rodovias BR-381 (dita Rodovia da Morte) e BR-262, entre BH e Governador Valadares e João Monlevade e Viana, no Espírito Santo, marcadas para 1º, 2, 7 e 8 de agosto, decidirão se as obras serão realizadas em conjunto ou separadamente. Caso sejam simultâneas, o trabalho vai durar 10 anos. Separadamente, elas poderão levar até 15 anos. Agora, vejam vocês: mesmo se ocorrerem ao mesmo tempo, ainda teremos de esperar uma década para vermos as duplicações concluídas. Há cerca de 40 anos os mineiros aguardem essas obras.

PRIVATIZAÇÃO
Necessidade premente 

O presidente da Confederação Nacional da Indústria, o mineiro Robson Andrade, que estava meio desaparecido das lides diárias, voltou a se manifestar publicamente. Defendeu o rápido incremento da privatização face à atual situação econômica do país. Disse que se trata de medida urgente, sobretudo devido ao pouco investimento do governo nas estatais pelo fato de a administração estar com caixa baixa no momento. Acentua que há mais de 4 mil obras paralisadas no país, com destaque para o setor de infraestrutura. O governo detém o controle de 134 grandes empresas, 50% delas no setor de infraestrutura. A propósito, o setor de privatização está nas mãos de um mineiro, o empresário Salim Mattar.

AUTOMÓVEL CLUBE 
Baile dos 94 anos

Foi marcado para 17 de agosto o tradicional baile de aniversário do Automóvel Clube, que está comemorando 94 anos. A festa abrangerá todos os salões, especialmente os do segundo andar – Dourado e Príncipe de Gales. A aquisição de convites dará direito à boca-livre total: amuse-bouches, coquetéis, scotch, vinhos e jantar completo. Orquestra especial, decoração idem.

KALIL 
Fato inédito

Em e-mail meio en retard enviado por leitor à coluna, o palavrão usado duas vezes pelo prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, em seu pronunciamento por ocasião da 22ª Parada de Orgulho Gay, seria fato inédito entre os políticos mineiros. Pelo que o leitor se lembra, nenhum político municipal, estadual ou federal teve a ousadia de usar em praça pública palavras consideradas não muito dignas pela discreta e tradicional família mineira, que hoje já não é nem tão discreta nem tradicional como antigamente. Enfim, mutare tempus, já diziam os romanos.

PERU 
Consulado atuante

Ao contrário do que a coluna noticiou, o consulado do Peru em Belo Horizonte não se encontra vago. O atual cônsul honorário do país vizinho é o empresário David Nuzman Chumo, que exerce a função desde 2018. Inclusive, sua apresentação ao corpo consular ocorreu durante prestigiado coquetel no Automóvel Clube. No mais, anote-se: dos atuais 38 consulados em BH comandados por diplomatas de carreira ou cônsules honorários, três estão desativados: México, Paraguai e Equador.

BH
Cidade internacional 

A campanha de internacionalização de Belo Horizonte, lançada por Lindolfo Paoliello quando na presidência da Associação Comercial de Minas, foi mantida por seu sucessor, Aguinaldo Diniz. Exemplo disso é o protocolo de colaboração firmado entre a ACMinas e a Associação Empresarial deSantarém, em Portugal, por meio da presidente da entidade, Maria Salomé Rafael, que visitou BH. A região de Santarém está entre as mais industrializadas de Portugal.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade