Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas HIT

Após o 'Diário da quarentena', Coluna Hit ganha novas seções

O jornalista Helvécio Carlos volta das férias, prometendo que aos sábados, domingos e quartas-feiras, o leitor vai se emocionar com temas que giram em torno da pandemia


17/11/2020 04:00


Foram 30 dias de pernas para o ar. Não exatamente como nas férias passadas, mas, ainda assim, período de descanso. Encarar sete meses de isolamento deixa exausto até o atleta com o melhor preparo físico. Cansaço gerado pelas incertezas sobre o futuro (mais ainda do que em qualquer outro momento de nossas vidas), centenas de perguntas e poucas respostas satisfatórias. Sete meses que se multiplicaram em escala exponencial sobre nossas costas. Como disse Silvana Arantes, a editora deste caderno, não dá para chamar de férias, mas bem que uma pausa dá pra descansar a cabeça e atrair novas ideias. Ela tem razão.

• • •

Desde o início da pandemia, acompanhamos diariamente neste espaço as histórias de pouco mais de 200 pessoas, entre artistas, músicos, profissionais liberais e estudantes. O Diário da quarentena foi o Raio X de um período que nem nos piores sonhos imaginamos ter de enfrentar. A vida continua, aprendemos a nos virar. Mas sem essa de que estamos no “novo normal”. Tenho muita preguiça de termos da modinha. O tal “novo normal”, misericórdia... Já falei aqui que nunca vou achar normal não poder abraçar e beijar meus amigos.

• • •

Este espaço sempre foi recheado de notícias sobre festas, baladas e shows que tanto eu quanto você, meu leitor preferido, sempre curtimos. Com o isolamento, esses eventos foram os primeiros a sofrer o impacto da COVID-19. Sete meses depois, começam a voltar timidamente. Com responsabilidade, os nossos registros vão continuar. A coluna mantém o radar ligado em tudo que diz respeito ao coronavírus.

• • •

Voltamos das férias com três novas seções. A primeira delas estreia amanhã. Todas as quartas-feiras, um fotógrafo convidado vai mostrar o que marcou (e ainda marca) seu olhar em tempos de isolamento social, coronavírus e demais variações da peste na capital mineira.

• • •

As edições de sábado trarão depoimentos em primeira pessoa, com lições da pandemia aprendidas na marra ou com bom humor. O domingo merece um bate-papo informal, com histórias em que a criatividade dá o tom, especialmente nestes 
tempos caóticos.

• • •

A entrevista de domingo, no estilo pergunta e resposta, que teve mais de 100 edições até o início da pandemia, ganha novo nome (Entrevista de segunda) e novo dia, a segunda-feira. O perfil dos convidados será mantido, e profissionais de todas as áreas abordarão assuntos interessantes.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade