Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas HIT

É hora de olhar para dentro, evoluir e ser melhor para fora

O empresário José Felipe Pedras Carneiro assina mais uma página do 'Diário da quarentena', edição especial da Coluna Hit


14/09/2020 04:00

E eu, que um dia achei que iria controlar tudo que envolvesse a minha mente, tudo que dizia respeito ao meu trabalho e família. Eu, que me sentia blindado mentalmente e com uma saúde impenetrável. Eu, que achava que já usava o nós do coletivo, acabei desmoronando e aprendi a ficar realmente vivo. Um sentimento misto de impotência, pequenez perante o mundo e de grandiosidade e generosidade com as pessoas, com a comunidade.

Não poderia ser melhor o tempo para ressignificar. Os valores, as dores, os amores, os objetivos e, principalmente, nossa empatia.

Tudo fez mais sentido quando, finalmente, fomos obrigados a dar uma freada brusca na insana vida de aceitar o mundo como ele é, cheio de surpresas. E daí em diante começar a olhar para dentro, evoluindo para ser melhor para fora.

Importante dizer que não há como comparar nenhum tipo de dor, mas podemos e devemos fazer muito por aqueles que precisam. Em diferentes esferas e camadas da sociedade. Ficou ainda mais óbvio que podemos e devemos fazer mais pelos outros.

Criar o impossível se tornou quase que rotina, pois estamos de fato vivendo o impossível.

Há um sentimento altruísta que conquista cada vez mais adeptos. O mundo pode, sim, ser mais legal, mais justo e, ainda assim, se desenvolver.

Eu acredito que já deu certo, não por simples otimismo, mas pelo bem-querer de todos.

Há a parte mais legal de todas, que se resume à jornada do descobrimento, o tal do novo normal já nem é tão novo, e podemos chamar de evolução.

O mais lindo de tudo é que todos temos grandes motivos para sorrir. O Sol continua nascendo e cedendo lugar para a Lua; sorrisos continuam aquecendo mais que a tristeza; a solidariedade anda lado a lado com o desenvolvimento.

A evolução com que sempre sonhamos veio inesperada e a galope, agora temos um papel a cumprir, viver intensamente o momento e deixar o legado que tanto discursamos.

Um Brasil mais simples e grandioso é o que todos queremos. Que o mundo acompanhe!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade