Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

O jornalista Sebastião Rinaldi conta suas histórias de viagens em miniguia

O livro Cartão de memória (Editora Kazuá) será lançado em março. A obra reúne reportagens publicadas em vários periódicos


postado em 20/02/2020 04:00

NOITE DE AUTÓGRAFOS
GUIA DE VIAGENS

Cartão de memória, guia de viagens escrito por Sebastião Rinaldi, Sebah, será lançado em 6 de março, no Café com Letras Liberdade, no CCBB. A publicação reúne reportagens do jornalista com histórias que passam pela ex-colônia portuguesa Goa, que tem muito em comum com o Brasil, ao bed-in de John Lennon e Yoko em Montreal, passando por Bangalore — o Vale do Silício indiano — e por Chicago — a Cidade dos Ventos. O prefácio é assinado por Thiago Romano (benedita comunicação). Os textos foram publicados entre 2010 e 2019.

CICLO MAHLER
NA SALA MINAS GERAIS

A Segunda sinfonia de Mahler, que marcou no fim de semana a abertura da temporada da Filarmônica de Minas Gerais, é mais uma obra que ganha registro no Ciclo Mahler, iniciada há três anos. Durante a semana, os 220 artistas que dividiram o palco da Sala Minas Gerais – o Coral Lírico de Minas Gerais, com regência de Hernán Sánchez, o Coro da Osesp, com regência de Willian Coelho, e as solistas, a soprano Camila Titinger e a mezzo-soprano Luisa Francesconi –, participaram da gravação ao lado do produtor Ulrich Schneider. Além da Segunda, foram gravadas a Primeira, a Terceira, a Quinta e a Sexta sinfonias. A Orquestra também continuará sua parceria com o Itamaraty e o selo internacional Naxos no projeto Brasil em Concerto.

DE OLHO NA FOLIA
FUNK FEMINISTA

Deize Tigrona, que começou a carreira no funk no fim em 1999, é atração do after organizado amanhã (21) pelo Bloco da Horny, no Barro Preto. “Ela é precursora do funk feminista, que escancarou todos os limites do que deveria ser o funk feito por mulheres. Suas letras falam abertamente sobre sexo, além de reforçar a importância da música como um mecanismo de empoderamento”, explica Thales Albuquerque, idealizador do Horny. O evento conta ainda com o DJ Glau Tavares (Batekoo) e os locais Larys, Mel e João Andrade, além de performance de Lázara dos Anjos.
>>>

O Bloco da Horny fará concentração a partir das 17h, na Rua Bonfim, esquina com Rua Serro. O trio elétrico será animado com os DJs Carls, João Andrade e Bukkeke e performances com Fran Glam Glam, Leona Souki, Camila Too Much e Dada Scáthach!

ECONOMIA CRIATIVA
SESSÃO DEZ4MEIA

Leandro Karnal abre o projeto do Sesc Palladium, Sessão Dez4Meia, voltado para a economia criativa e colaborativa. Na abertura, além de Karnal, estão confirmadas a jornalista Fernanda Ribeiro e a executiva em tecnologia da informação Nina Silva. O encontro está marcado para 17 de março.


Publicidade