Publicidade

Estado de Minas

Helvécio Carlos


postado em 12/07/2019 04:00


FABULOUS VEGAS
UMA LENDA ENTRE NÓS

Três anos depois de sua última apresentação em Belo Horizonte, Erick Morillo está de volta. Às 2h deste sábado (13), ele toca no projeto Fabulous Vegas, no Bairro Olhos D'Água, ao lado de JetLag, Pedrão Meirelles e The Otherz. Morillo passa pela cidade no meio de sua turnê nos Estados Unidos e na Europa. De manhã, ele desembarca em Confins vindo de Ibiza, na Espanha. Ficará hospedado no Fasano, a rede de hotéis preferida do DJ no Brasil.

>>>

Didio Mendes, que traz Morillo ao país, relembra a longa história do DJ colombiano com Belo Horizonte, onde se apresentou pela primeira vez há 15 anos, no antigo Jockey Clube de Minas Gerais. Era figura esperada nas edições da Phenomenal – Black and White. “Ele tem público cativo aqui e no mundo. Assim como Carl Cox, Morillo é lenda da música eletrônica”, elogia. Assim como todos os DJs internacionais que passam por aqui, o tempo de Morillo é apertado. Até hoje, ele não conhece bem a cidade. Porém, costuma dizer que as mulheres de BH estão entre as mais belas que conhece.

>>>

De Belo Horizonte, Erick Morillo segue para São Paulo, onde fará duas apresentações no sábado. À tarde, em Valinhos, e à noite, em Araçatuba. Domingo, o DJ retorna para Ibiza, dando sequência à turnê, que inclui apresentações até 31 de agosto na Grécia, Espanha, Estados Unidos, Canadá, Portugal, Suíça, Itália, Londres e – ufa! – Holanda.

MANGA-LARGA MARCHADOR
70 ANOS DA ASSOCIAÇÃO

Em sua 38ª edição, a Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga Marchador tem o que comemorar. A começar pelo prestígio crescente do evento, que, em 12 dias, deve receber cerca de 250 mil pessoas – 40 mil a mais que no ano passado. Os negócios – leilões, venda de equipamentos e operações via Sistemas de Cooperativa de Crédito do Brasil (Sicoob) – devem chegar a R$ 25 milhões. Do Oiapoque ao Chuí, estão confirmadas as inscrições de 1,7 mil animais. O mercado nacional do manga-larga mobiliza R$ 16 bilhões.

>>>

Para Daniel Borja, presidente da Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Manga Larga Marchador, o momento é de reconhecimento do setor. “É a criação que mais cresce no Brasil e na América Latina”, aponta, lembrando que entre as qualidades da raça está a comodidade. O animal é o preferido para cavalgadas, atividade cada vez mais comum no país. Uma delas, conta Borja, reuniu três mil cavalos da raça.

>>>

A exposição, que será realizada de 16 a 27 de julho, na Gameleira, também tem seu lado solidário. Quarta-feira é dia do leilão de coberturas e embriões de animais organizado pela Associação Marchadores pela Vida. Os recursos serão destinados a entidades ligadas ao projeto Criadores do Bem. A agenda do evento inclui provas em mais de 100 categorias, show da dupla Bruno e Marrone (dia 26), atividades especiais para a criançada e vila gastronômica destinada a todos os paladares.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade