Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

Colcci aposta num verão colorido e de exaltação da feminilidade

Marca brasileira presente em diversos países está lançando a canadense Winnie Harlow como estrela da linha Color Feelings


12/10/2021 04:00

A diferença entre a indústria de produção de moda no exterior e aqui é que, lá fora, as confecções colocam seu empreendimento em praticamente todas as divulgações que fazem dos seus lançamentos. Aqui isso custa a acontecer, e o público consumidor pouco conhece das marcas que compram ou usam. 

Como acontece com a Colcci,por exemplo, que é uma empresa de moda brasileira que fabrica e comercializa roupas e acessórios de alto padrão para homens e mulheres. Fundada em 1986 pela estilista e empreendedora Lila Colzani, em Brusque, em Santa Catarina, a Colcci atua em 31 países, com 1.650 lojas de grife e nove lojas franqueadas. 
look da Colcci
Looks da coleção Music Island, da Colcci. Neste verão, marca lançará a Color Feelings (foto: Fotos: Colcci/Divulgação)

A única loja da Colcci nos Estados Unidos fica em Nova Jersey, mas a empresa também possui lojas na Guatemala, Espanha, Arábia Saudita, França, Itália, Reino Unido, Áustria, Suíça, Holanda, Portugal e Japão. No Brasil, possui 102 lojas franqueadas e 1.500 lojas multimarcas.

Atua desde 2000 sob o controle do Grupo AMC, da família Menegotti, que também é dono das marcas Menegotti, Coca-Cola Clothing, Sommer e Carmelitas. Em 2008, o grupo se expandiu ainda mais, com a aquisição do grupo TF, que possui as marcas Forum Tufi Duek, Tufi Duek, Triton e Forum, e se tornou a maior empresa de moda da América Latina. 

Anualmente, a Colcci e as demais marcas do Grupo AMC produzem 2,8 milhões de peças de vestuário e utilizam 10.200 toneladas de tecidos. 

A Colcci é fortemente influenciada por roupas de rua voltadas para os jovens e é conhecida por suas roupas esportivas, jeans, acessórios e calçados. Embora a cultura hip hop tenha uma influência, os designers da Colcci também são inspirados pela arte popular mexicana, imagens religiosas e históricas e literatura. 

Dentro desse processo de produção, a Colcci está lançando a canadense Winnie Harlow como estrela da linha Color Feelings. O destaque de estamparia é a inédita Florescer, uma ilustração que celebra as mulheres em uma cena que elas estão sendo iluminadas pelo pôr do sol. Desenhadas em formas abstratas e com cores quentes e vibrantes, elas exaltam a feminilidade.

Ainda com a essência de iluminar, a coleção conta com três tons de amarelo, presentes em peças de tricoline e viscose que combinam looks volumosos e delicados.

O tão desejado linho está presente em tons de laranja na alfaiataria da Color Feelings, cor presente também nos detalhes bordados com fundo em laise. "O laranja transmite vida, desejo de brilhar, praticidade e leveza ao mesmo tempo. É uma das cores mais energéticas dessa estação" declara Adriana Zucco, diretora criativa da Colcci.

Por fim, a grande novidade da coleção é o le blanc, tom de branco mais arenoso que tem vocação para ser um neutro protagonista em qualquer produção. Texturas com aspecto artesanal estão presentes em vestidos fluidos e shapes contemporâneos que foram pensados para serem exibidos em qualquer lugar do mundo.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade