Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas Anna aos domingos

Exposição e concurso Festa da Francofonia


26/03/2021 17:01 - atualizado 26/03/2021 17:08

Marco Antônio Ferreira e Luciene Amantea da Galeria Firenze, que fazem leilão virtual esta semana(foto: arquivo pessoal)
Marco Antônio Ferreira e Luciene Amantea da Galeria Firenze, que fazem leilão virtual esta semana (foto: arquivo pessoal)


A música acompanha o homem desde os primórdios dos tempos. No entanto, apenas a partir dos anos 1990, com o advento das imagens cerebrais, foi possível entender seus efeitos no cérebro. O público terá a oportunidade de saber mais sobre essa relação na exposição virtual “Música e cérebro: a combinação perfeita”, realizada pela Aliança Francesa dentro da programação da Festa da Francofonia. A mostra está disponível e foi concebida pelo Palais de la Découverte (Palácio da Descoberta) e pela Cité des Sciences' et de l'Industrie (Cidade das Ciências e da Indústria), um espaço Universcience, a partir das pesquisas realizadas por Alexandra Pihen, e exibe 
textos e imagens. Acesso: https://aliancafrancesabh.
com.br/exposicoes/.

****

As fábulas de La Fontaine são um marco na literatura mundial. Para celebrar os 400 anos do nascimento do poeta francês, a Aliança Francesa divulga, dentro da Festa da Francofonia, o Concurso Jean de La Fontaine. Para participar, os interessados devem escrever um texto de uma página respondendo à pergunta: “Quelle actualité pour Jean de La Fontaine?”, além de observar todas as regras apresentadas no regulamento do concurso. As inscrições e envio dos textos devem ocorrer até 1º de julho pelo site https://concours-la-fontaine.francais-sciences.fr/. O participante deve criar uma fábula original, à maneira de La Fontaine, fazendo referência às atualidades do século 21, relacionando-as ao século 16, unindo harmoniosamente a literatura e a ciência no texto. Serão distribuídos 50 prêmios, e o grande vencedor ganhará uma viagem a Paris. O candidato deve ter fluência em francês, tanto para compreender as regras do concurso quanto para a elaboração do texto.
 
Leopoldo Siqueira, Álvaro Teixeira da Costa, Isabel Guimarães, o cantor Don e Geraldo Teixeira da Costa Neto (Zeca) no Troféu Telê Santana de 2020(foto: Marcos Vieira/em/d.a press)
Leopoldo Siqueira, Álvaro Teixeira da Costa, Isabel Guimarães, o cantor Don e Geraldo Teixeira da Costa Neto (Zeca) no Troféu Telê Santana de 2020 (foto: Marcos Vieira/em/d.a press)
 
 
 
MENINO MALUQUINHO
inclusivo

A turma do Menino Maluquinho cresceu. Chegou o Chico, um garoto de 7 anos com síndrome de Down e suas duas irmãs mais novas, Maria Clara e Maria Antônia, que vão viver grandes aventuras com o personagem mais famoso de Ziraldo. As histórias inclusivas serão distribuídas gratuitamente por todo o Brasil para promover a conscientização: é possível construir uma sociedade empática e solidária, que saiba respeitar e conviver com as diferenças. As cartilhas, que falam sobre inclusão, são de autoria de Manuel Filho, com supervisão de Ziraldo, e foram lançadas domingo passado, quando foi comemorado o Dia Internacional da Síndrome de Down. A mãe das crianças, Thaissa Alvarenga, é publicitária e largou a carreira para levar informação às famílias de pessoas com deficiência por meio do portal e da ONG Nosso Olhar. O projeto tem apoio do Caioba Soccer Camp, projeto liderado do ex-jogador e comentarista esportivo Caio Ribeiro, que tem a proposta de usar o futebol como ferramenta de transformação social.

SEM SAÍDA
polarização inevitável

Há algumas semanas, falamos aqui sobre o fim do centrismo na política – forçando até os mais moderados a tomar posições mais radicais. Pois notícias recentes sobre uma provável aproximação entre partidos de centro e as esquerdas no nosso país, visando às eleições presidenciais de 2022, comprovam essa tendência. O risco é repetir o erro do também centrista Ciudadanos (Espanha), que, ao fazer um acordo de cúpula com os socialistas do PSOE, viu a maioria dos seus eleitores correr para o ultra-direita Vox – e perdendo 2/3 de suas cadeiras no Congresso. Um beco sem saída. 
 
Vanessa Freitas, Gilberto Freitas e Tereza Teixeira Diniz, que completou 95 anos ontem(foto: Marcos Vieira/em/d.a press)
Vanessa Freitas, Gilberto Freitas e Tereza Teixeira Diniz, que completou 95 anos ontem (foto: Marcos Vieira/em/d.a press)
 
 
TALENTO NEGRO
história americana

Pouco conhecida, a história da costureira afro-descendente americana Anna Lowe ganhou destaque com o black lives matter. E enfatizou algo pouco divulgado: ela fez o vestido de casamento de Jacqueline Kennedy, mas seu nome foi omitido pela futura primeira-dama dos EUA que, na ocasião, referiu-se apenas a ‘uma costureira de cor’. Altiva e ciente de seu talento, não fez por menos: no casamento, recusou-se a entrar pelos fundos, ameaçando retornar com os trajes da noiva e das daminhas para Nova York. Depois, a própria Jackie mandou revistas de prestígio focalizarem seu trabalho e ainda pagou suas dívidas com o fisco, anonimamente – algo obviamente descoberto depois.
 
LEILÃO
vitual

Galeria Firenze faz leilão virtual nesta terça-feira (30/3), às 20h30, no iarremate.com. As obras podem ser vistas na exposição, também virtual, pelo site www.galeriafirenze.com.br. Entre os lotes, peças de Antônio Potero, Sérgio Telles, Carlos Bracher, Ivan Marquetti, Inimá de Paula, Ianelli, José Bento, Jorge dos Anjos, Fernando Velloso, Marcos Coelho Benjamim, Amilcar de Castro, Fernando Lucchesi, Guignard, 
e muito mais.


SARAU
de poesia

Sesc Palladium promove nesta quarta-feira (31/3), às 19h, um sarau virtual para fortalecer a produção literária independente de mulheres poetas. Quem está à frente do projeto é a professora Maria Carolina Fenati, fundadora da Editora Chão da Feira, que traz as poetas Adri Aleixo, Simone Teodoro e Lara de Paula. A transmissão será pelo Instagram @sesc.palladium.


CRUZEIRO
craques sem bola

Em tempo de baixa em campo, o Cruzeiro ganhou destaque nos últimos tempos com assuntos correlatos. Um deles, com pegada fashion, foi o lançamento das novas camisas dos jogadores – comemorando os 100 anos do clube. A campanha em torno da novidade trouxe muitos ex-craques azul e branco com a novidade – algo bacana. O problema é que alguns deles vivem em estado de penúria, lutando para sobreviver. E o problema não é só na Toca da Raposa: um fundo de ajuda para jogadores, proposto há algum tempo por entidades do setor, 
está quebrado.
 
DOMINGO
instrumental

Na sua programação cultural deste mês, o Memorial Vale preparou para este domingo, às 11h, apresentação do Duo Mitre, com as irmãs Luísa Mitre (piano) e Natália Mitre (vibrafone e percussão) tocando um repertório baseado em compositoras brasileiras. A dupla está celebrando a gravação do álbum "Seiva", que será lançado este ano pelo selo Savassi Festival Records. O disco apresenta um repertório todo autoral, conduzido por diferentes caminhos presentes na memória musical das duas. A apresentação é on-line, pelo YouTube e nas redes sociais do espaço (Facebook e Instagram) e no site. As transmissões feitas pelo YouTube ficam disponíveis permanentemente no canal do Memorial (http://www.memorialvale.com.br; www.facebook.com/memorialvale; @memorial.vale; www.youtube.com/user/memorialvale).


LIVRO
lançamento virtual

Nesta terça-feira (30/3), às 19h30, o jornalista Regis Gonçalves lançará seu mais recente trabalho, o livro “Lúcia Machado de Almeida – Uma vida quase perfeita”, biografia da escritora que comemora também os 15 anos de sua morte. A obra faz parte da coleção Beagá Perfis, da Conceito Editorial, e tem patrocínio do BDMG Cultural e apoio da Academia Mineira de Letras. O lançamento  virtual será no canal do YouTube da AML (Youtube.com/c/AcademiaMineiraDeLetras), com entrevista do biógrafo da autora pelo editor da coleção, José Eduardo Gonçalves. Nascida em Santa Luzia, em 1910, Lúcia Machado de Almeida viveu a maior parte de sua vida em Belo Horizonte, com passagens pelo Rio de Janeiro e algumas cidades do exterior. No jornalismo, exerceu a profissão por quase 60 anos, tendo sido editora do Suplemento Literário de Minas Gerais. Ganhou inúmeros prêmios literários, como a Medalha de Ouro da Bienal do Livro de São Paulo e o Jabuti, o prêmio literário mais importante do Brasil.


PÉ-PALITO
retorno dos 50s

A avalanche de programas de decoração made in EUA nos canais por assinatura começa a influenciar o estilo das casas brasileiras. Tudo começou com as cozinhas de conceito aberto – uma versão sofisticada das nossas cozinhas/varanda. Agora, veio a consolidação do que chamam de estilo mid-century, ou seja, inspirada nas casas da década de 1950: móveis com pés-palito, vasos dourados, poltronas coloridas e um certo clima da californiana Palm Springs. Só falta a Doris Day na TV – por enquanto.


ALMODÓVAR
madres na telona

Os cinéfilos mais tradicionais estão felizes da vida com o início das rodagens de mais um filme do Pedro Almodóvar. Desta vez será ‘Madres paralelas’, que acompanha por dois anos a vida de duas mulheres que se tornaram mães no mesmo dia – com destinos quase opostos. Tema que o espanhol trata com maestria. Outra alegria para os fãs de cinema, é que ele exige a exibição em telona – e não via streaming (na TV), como manda o modismo atual.


POR AÍ...

Causou profundo pesar nos círculos sociais e empresariais o falecimento de João Marcelo Machado – jovem e estimado empresário. Ele era filho do ex-presidente da Fiemg Olavo Machado, do qual herdou o bom trato e ótimo convívio com todos.

O otimismo gerado pela aceleração das vacinações contra a COVID-19, a partir de abril, já tomou conta da moda. A saber: dois dos principais salões de vendas do setor estão programados para o mês de maio. Tanto o Salão Casamoda, quanto o salão NovoShowroom foram marcados para o período entre 17 e 21 daquele mês – em São Paulo.

As muitas orações dos amigos de Cláudia Mourão para que ela escape logo desta pandemia são a medida exata do carinho e do prestígio que ela tem no circuito fashion mineiro. Daqui, a gente também torce por ela.

Dauro Andrade lançando sua edição virtual do ModaMinas com resumo das coleções de inverno 2021 nas grifes de pronta entrega da cidade. O trabalho ficou bacana, com apresentação dinâmica e visualização prática.

A Nomad, primeira fintech a oferecer uma conta-corrente internacional gratuita em banco americano para brasileiros, anunciou semana passada a contrataçãode Lucas Varga como seu novo CEO. O jovem executivo de apenas 37 anos é um nome de destaque no mercado por sua importante atuação na fase inicial e desenvolvimento de startups.

MORTE DE
estilista internacional

A internacional marca de joias Tiffany & Co divulgando a morte de uma de suas principais estilistas, Elsa Peretti. Famosa por suas criações para a joalheria americana, ela falceu na Espanha, aos 80 anos. Seu legado envolve um design excepcional, bem como uma base dedicada a causas humanitárias, ambientais e de conservação. Verdadeira cidadã do mundo, sua ausência será fortemente sentida em todos os diferentes círculos nos quais ela desempenhou um papel tão ativo e criativo. Elsa Peretti nasceu em Florença e foi educada em Roma e na Suíça. Mais tarde,  voltou a Roma para tentar um diploma em design de interiores. Em 1969, havia se estabelecido com uma forte tendência de estilo em Nova York e Barcelona, com a produção de joias próprias. Foi só o estilista americano Giorgio di Sant'Angelo usar algumas de suas peças em um desfile de moda para fazerem sucesso instantâneo. No dia seguinte, suas peças já eram objetos de desejo no mundo. Foi durante esse período, em que conheceu o lendário estilista americano Halston, nos anos 70, que se tornou seu amigo de longa data e com quem ela colaborou com frequência. Halston também apresentou Elsa aos joalheiros Tiffany & Co. em 1974, com quem ela rapidamente começou a trabalhar, em uma colaboração exclusiva que  durou ao longo de toda a sua carreira. 

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade