Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas DICAS DE BELEZA

Cuide das mãos e das unhas nesta temporada de isolamento social

Produtos de limpeza e uso excessivo de álcool em gel ressecam a pele. A boa hidratação é o segredo.


postado em 15/06/2020 04:00



Os leitores que me perdoem a tolice, mas uma das imagens que me chamou a atenção em toda essa campanha contra o racismo nos Estados Unidos foi o tamanho das unhas pintadas de branco que apareceram quando Roxie Washington, ex-mulher de George Floyd, surgiu na TV mundial. Pelo gestual da afro-americana, a impressão que ela passava é de que queria mostrar seus mais de 10cm de unhas, um atentado verdadeiro em qualquer situação.

As unhas foram uma variante das manifestações sobre o assassinato do americano, que comoveu o mundo e que acompanhei durante todo o fim de semana. Pensando também, muito e principalmente, no caso daquele menino de 5 anos, filho de uma empregada no Recife. Abandonado pela patroa doidivanas sozinho dentro do elevador, Miguel Otávio acabou morrendo ao cair do prédio.
Mas voltando a Roxie Washington, trago hoje um texto de Vivian Peron, especialista em unhas da empresa paulista Hirofumi Ikesake:

“Precisamos nos cuidar em meio a tantas notícias tristes e incertezas mil. Quando falo que precisamos nos cuidar, me refiro ao sentido mais amplo do termo. É preciso cuidar da nossa saúde física, mental, espiritual, cuidar dos nossos amores, dos nossos familiares. Sim, são essas as nossas prioridades e é assim que deve ser. A chegada da pandemia pegou a todos de surpresa. Foi um grande baque, difícil de acreditar. Pessoas morrendo de gripe? Isso já existiu na história da humanidade e se repete agora. Precisamos praticar todas as medidas de proteção contra a COVID-19. A boa notícia é que estamos mais preparados para entender o coronavírus e, quem sabe, criarmos uma vacina em breve.

Em casa, temos uma rotina que pode beirar o impossível. Com o isolamento social, pouco a pouco, vamos aprendendo a torná-la possível. Isso é maravilhoso. Chega uma hora em que reaprendemos a dividir tarefas e obrigações, que nos impomos com amor, e a mágica acontece. Organizados em meio à pandemia, apesar de todos os pesares.

Com tudo em casa relativamente encaminhado, voltamos a olhar para nós mesmas. Cabelos? Precisando de retoque. Unhas? Nem me fale! O que aconteceu com elas?

A maior queixa que tenho percebido se refere a mãos ressecadas por produtos químicos usados na limpeza doméstica, sem a proteção de luvas, além do uso excessivo de álcool em gel. Grande parte das mulheres tem encontrado dificuldades em seguir uma rotina de cuidados, seja por motivos financeiros, seja por não dispor de produtos em casa. Assim, elas acabam deixando o cuidado com a saúde das mãos e dos pés em segundo plano. Afinal, tais cuidados eram sempre feitos no salão de beleza.

Minha dica de ouro com relação a isso é a hidratação. Hidrate após o uso de produtos de limpeza, antes de dormir, ao acordar. Use hidratantes que contenham algum tipo de óleo. Pode ser óleo de amêndoas, óleo de coco, de melaleuca. Esses hidratantes ajudam na regeneração da pele, das unhas e das cutículas, evitando o ressecamento.

Sobrou “meia horinha” para tentar fazer as unhas em casa? Se puder contar com a ajuda de alguém, o resultado será melhor. Na falta dessa mão amiga, vale a pena agir sozinha. Já no caso dos pés, procure ajuda extra, pois quando fazemos isso sozinhas, ficamos em uma posição desconfortável e podemos nos machucar. Evite instrumentos de corte, como alicates, para não se ferir.

Hidrate as mãos e unhas, esfolie, empurre as cutículas com delicadeza, use brilhos. Se tiver prática com alicate, use-o com cuidado e sempre o esterilize antes e depois do uso. Nunca compartilhe seus apetrechos de uso pessoal, evitando contaminações ou infecções nas unhas, como as temidas micoses. Use água e sabão para lavar instrumentos, seque-os e use o álcool líquido 70% para finalizar a limpeza. Guarde os objetos sempre em local limpo, seco, organizado e longe das crianças”.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade