Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Publicidade

Estado de Minas

Fim de semana terá mostra de moda infantil


postado em 22/10/2019 04:00 / atualizado em 21/10/2019 17:57

Mostra Moda kids e teen movimenta o setor infantojuvenil. O tema do evento, que conta com 44 participantes, será o circo, com o objetivo de resgatar a importância da cultura tradicional circense para as crianças. O patrocínio é da Belotur. Nos anos 1990, a moda infantojuvenil de Belo Horizonte viveu seu apogeu, com o florescimento de um polo de confecções voltado para o setor. O movimento extrapolou as montanhas mineiras e repercutiu em outras capitais, particularmente São Paulo, onde várias marcas participavam de eventos importantes, como feiras segmentadas, comercializando seus produtos para todo o Brasil.

Com o passar do tempo, a maioria dessas fábricas fechou, mas outras empresas direcionadas para o público apareceram, não só em BH, mas em outras regiões do estado, com uma produção de alta qualidade, que flerta com as principais tendências de moda mundiais. Com o objetivo de dar visibilidade ao segmento, a Top Agency e La Guapa Comunicação se uniram criando a Mostra Moda kids e teen, para promovê-lo em uma das pontas mais relevantes da cadeia da moda, que é o varejo, mas sem esquecer os fabricantes, que marcam presença apresentando seus lançamentos na ocasião. São 44 empresas envolvidas desta vez.

A iniciativa contou com o apoio total dos empresários que trabalham nas duas pontas, tanto é que, nos próximos sábado (26) e domingo (27) será realizada a sua nona edição, no Buffet Catharina. Da primeira empreitada à última, o evento cresceu em tamanho e qualidade. Os dados revelam que a mostra Moda kids e teen contribui decisivamente para fomentar as vendas nas lojas, beneficiando, consequentemente, os confeccionistas. Seu formato é responsável pelo seu sucesso. A cada temporada, são escolhidos os temas que serão trabalhados com o intuito de divulgar valores essenciais na formação e educação do público-alvo, incentivando a cultura, a prática de esportes, a amizade, o respeito às diferenças. A linguagem usada na abordagem é sempre fácil e lúdica, mesclando tecnologia com tradição e criatividade.

Se na edição passada houve o resgate das brincadeiras de criança, agora o foco será o circo, que remonta às civilizações mais antigas e que vai se tornando distante do universo infantojuvenil em detrimento do advento da tecnologia em que estão inseridas. O propósito é levar até as crianças os elementos da arte circense por meio da decoração do espaço e de atividades propostas na programação para envolvê-las, diverti-las e, mais do que isto, encantá-las. Através dessas vivências, existe ainda a intenção de valorizar essa importante cultura popular que vai se perdendo com o passar do tempo em função de novos comportamentos e hábitos da sociedade contemporânea. Dentro dessa mesma filosofia, em uma época em que as famílias têm cada vez menos oportunidades de participar efetivamente da vida dos filhos em função do trabalho e compromissos, a mostra Moda kids e teen promove a interação entre elas, durante os dois dias, em encontros agradáveis e de qualidade.

O ponto central do evento são os desfiles inspirados nas apresentações internacionais, nos quais modelos mirins profissionais e clientes das lojas participantes exibem modelos das coleções que estão sendo comercializadas nesses pontos comerciais, em uma produção esmerada que conta com passarela, luzes, som e efeitos especiais. Ao lado do salão, estão dispostas as marcas fabricantes, apresentando as criações que estão em voga na estação.

O projeto privilegia ainda espaço para oficinas, no qual as crianças podem brincar exercendo a criatividade e aprender novas culturas e brincadeiras. O caráter solidário faz parte da mostra, que contempla algumas entidades filantrópicas, como Projeto Assistencial Novo Céu e Associação de Surdos de Minas Gerais, com ações em benefício das mesmas. A sustentabilidade também é contemplada com a utilização de material reciclado, dentre outras ações, que tornam o evento humano e acolhedor.


Publicidade