Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Número de agências cai no país


postado em 28/05/2019 06:00 / atualizado em 28/05/2019 08:33

(foto: Maria Tereza Correia/EM/D.A Press %u2013 13/4/12)
(foto: Maria Tereza Correia/EM/D.A Press %u2013 13/4/12)

 

Bancos 1:

Poucos setores sofrerão transformações tão profundas no futuro próximo quanto o financeiro. Segundo pesquisa da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), seis em cada 10 transações bancárias no Brasil já são feitas on-line, via internet e aplicativos. As operações realizadas pelo celular lideram o ranking desde 2016 e atualmente correspondem a 40% do total. A mudança impõe uma série de desafios aos bancos tradicionais. Entre elas, a readequação de suas estruturas físicas. Entre 2017 e 2018, o número de agências no país caiu de 21,8 mil para 21,6 mil, assim como a quantidade de postos de atendimento bancário e eletrônico, que passou de 47,1 mil para 46,7 mil no período. Maior banco privado do país, o Itaú Unibanco viu o número de agências recuar 1,67% entre março do ano passado e o mesmo mês de 2019, enquanto o Bradesco teve uma baixa de 0,50% no período, para 4.594 endereços.




Bancos 2:
Itaú e Banco do Brasil lideram ranking global de dividendos

Um levantamento da consultoria Economatica concluiu que o Itaú Unibanco e o Banco do Brasil são os bancos que pagam o maior dividend yield (relação entre o dividendo pago dividido pelo preço da ação de uma empresa) no mundo – 8,14% e 6,95%, respectivamente. O Santander Brasil aparece em quarto no ranking (5,34%), enquanto o Bradesco (3,71%)
está na 12ª posição. O banco internacional mais bem colocado é o australiano Westpac (6,22%), em terceiro na lista.

Nova tabela para referência de preço de carros


A Auto Avaliar, plataforma de veículos usados e seminovos, e a Fundação Getúlio Vargas criarão uma nova tabela para a referência de preços de automóveis. A ferramenta promete ser mais precisa que a dos concorrentes, já que oferecerá informações de negociações em tempo real. Serão dois tipos de pesquisas diferentes: a primeira para consumidores e proprietários, e a segunda, com especificações mais avançadas, para as concessionárias.

Segundo a XP, 80% dos  investidores confiam na aprovação da reforma da Previdência


Uma pesquisa realizada pela XP Investimentos mostra que continua alta a confiança dos agentes do mercado financeiro na aprovação da reforma da Previdência. Segundo o levantamento, 80% acreditam que a proposta avançará no Congresso. Na avaliação dos entrevistados, a economia gerada pelas novas regras será de R$ 700 bilhões em 10 anos, ante a projeção do governo de R$ 1,237 trilhão. Para 71% dos pesquisados, o Congresso deve concluir a votação do projeto até o quarto trimestre de 2019.



“Por décadas, Natura e Avon navegaram em linhas paralelas, e agora estão no mesmo barco. Com o negócio, vamos fortalecer ainda mais nossa presença internacional, tendo 68% das vendas fora do Brasil”

Guilherme Leal (foto), fundador da Natura, sobre a compra da Avon, que fez surgir o quarto maior grupo de beleza do mundo, com
US$ 10 bilhões de faturamento e atuação em 100 países.




US$ 1,493 bilhão
foi quanto os brasileiros gastaram no exterior em abril, queda de 2,93% em relação ao mesmo mês de 2018. A alta do dólar é responsável pelo recuo


Publicidade