SIGA O EM

Dispositivos conectados à internet trazem sérios problemas de segurança

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 04/08/2014 09:52

AFP /Agence France-Presse

WASHINGTON - O auge da conexão à internet de dispositivos domésticos - TVs, geladeiras, termostatos, portas, etc. - fragiliza a segurança e aumenta os riscos de ciberataques, afirmaram cientistas na última semana.

Um estudo feito pela Fortify, unidade de segurança da Hewlett-Packard, revelou que 70% dos aparelhos usados mais comumente, conectados à chamada "internet das coisas", são vulneráveis, principalmente por causa de códigos ou criptografia inadequados, além de restrições de acesso brandas demais.

"O fato de que a internet das coisas conecta e unifica incontáveis objetos e sistemas traz desafios significativos para evitar ataques, em vista da expansão de sua superfície exposta", disse Mike Armistead, vice-presidente diretor-geral da empresa de segurança Fortify.

O estudo foi publicado em meio a recentes alertas sobre seguranças, depois de terem sido hackeados dispositivos médicos, automóveis, TVs e inclusive banheiros, que estavam conectados à internet.
Tags:
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.