SIGA O EM

CCJ do Senado discute fim do foro privilegiado

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 1089437, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Pedro Fran\xe7a/Ag\xeancia Senado', 'link': '', 'legenda': ' "\xc9 preciso acabar com a farra do foro", afirma o senador Ricardo Ferra\xe7o (PSDB/ES)', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2016/11/30/828720/20161130112942780752e.jpg', 'alinhamento': 'center', 'descricao': ''}]

postado em 30/11/2016 11:07 / atualizado em 30/11/2016 11:31

Agência Estado

Pedro França/Agência Senado

Brasília - Integrantes da Comissão de Constituição e Justiça do Senado iniciaram na manhã desta quarta-feira, 30, a discussão da Proposta de Emenda à Constituição que estabelece o fim do foro privilegiado para autoridades em crime comuns.

No início da sessão, o senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) defendeu a aprovação da PEC de autoria do senador Álvaro Dias (PV-PR). "É preciso acabar com a farra do foro", disse o tucano.

Por volta das 10h30, os demais integrantes discutiam o relatório apresentado por Randolfe Rodrigues (Rede-AP). O texto proposto pelo senador estabelece o fim do foro privilegiado para todas as autoridades, incluindo neste rol o presidente da República, os presidentes das duas Casas do Congresso e aos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600