SIGA O EM

João Leite e Kalil divididos entre o corpo a corpo e a propaganda na TV

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 1078306, 'arquivo_grande': '', 'credito': '', 'link': '', 'legenda': 'Jo\xe3o Leite esteve nesse domingo (9) na Pampulha. Kalil gravou programa eleitoral ', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2016/10/10/812554/20161010073403478156a.jpg', 'alinhamento': 'center', 'descricao': ''}]

postado em 10/10/2016 06:00 / atualizado em 10/10/2016 07:38

Flávia Ayer


Com início do horário gratuito de propaganda eleitoral de rádio e TV na próxima sexta-feira, os candidatos à Prefeitura de Belo Horizonte Alexandre Kalil (PHS) e João Leite (PSDB) se dividirão nesta semana entre a gravação dos programas e a campanha nas ruas. O ex-cartola começou a produção do material audiovisual nesse domingo (9) e dispensou o corpo a corpo junto a eleitores. Hoje pela manhã, dá sequência à propaganda. João Leite, que foi nesse domingo à Lagoa da Pampulha e à Vila Sumaré, está focado no contato direto com os eleitores e deve concentrar as gravações em um dos períodos do dia, com agendas externas ao longo de toda a semana.

A preocupação com programa eleitoral de rádio e TV tem explicação. No segundo turno, reta final da campanha, o espaço de propaganda aumenta e os dois candidatos passam a ter direito ao mesmo tempo de veiculação. Se antes havia um abismo entre a exposição nas emissoras entre os dois candidatos – Kalil com 23 segundos, e João Leite, com 2 minutos e 39 segundos. Agora, ambos terão direito a 5 minutos na televisão.

Inicialmente, seriam 10 minutos cada um, mas a Justiça Eleitoral deferiu pedido dos dois concorrentes e reduziu o tempo pela metade. Na solicitação, as duas campanhas julgaram que cinco minutos é tempo suficiente para expor as propostas, pois também haverá inserções diárias ao longo da programação, que será de 35 minutos diários para cada um.

Mudança

O acordo foi fechado para diminuir o custo de campanha de ambos os candidatos. Não houve alteração no tempo da propaganda no rádio, que continua a ser de 20 minutos, divididos igualmente pelos dois concorrentes. A propaganda eleitoral no rádio e na TV recomeça dia 14 e vai até a sexta-feira do dia 28, a última antes do segundo turno da eleição municipal.

No ritmo desacelerado de domingo e sem o adversário Alexandre Kalil (PHS) nas ruas, o candidato à prefeitura de Belo Horizonte João Leite (PSDB) fez campanha na Praça Dino Barbieri, em frente a Igreja São Francisco de Assis, na Pampulha. O tucano conversou com os moradores sobre propostas para a região, falou da intenção de criar o circuito turístico Niemeyer, disse que pretende garantir recursos para desassorear a lagoa e ainda afirmou que enfrentará a questão do combate ao carrapato que transmite a febre maculosa.

“Temos em caixa R$ 140 milhões para continuar desassoreamento na lagoa e a melhoria da qualidade da água”, afirmou. O candidato também prometeu a criação do circuito turístico Niemeyer, que reúne as obras do arquiteto modernista Oscar Niemeyer (1907-2012). A exemplo do que ocorreu no dia das eleições quando João Leite estava entrando em seu local de votação, uma eleitora gritou “golpista” para o tucano. A manifestação acabou gerando um princípio de confusão, apaziguado pelo próprio candidato, que foi abraçar a mulher. Da Pampulha, o candidato seguiu para Vila Sumaré, onde falou sobre a regularização da situação de terrenos. Ele contou com a companhia do presidente da Câmara Municipal, Wellington Magalhães (PTN), que anunciou apoio à sua campanha na semana passada.

 

Agenda de hoje

Alexandre Kalil (PHS)
Manhã – Gravação de programa eleitoral
13h30 – Reunião com cuidadores de idosos

 

João Leite (PSDB)
9h – Encontro com comerciantes e caminhada no Barreiro
14h – Grava programa eleitoral
18h30 – Reunião com voluntários da campanha na sede do PSDB

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
Daniel
Daniel - 18 de Outubro às 09:54
NUNNNNNNNNNNNNNNCAAAAAAAAAAAAA que eu VOTO nesse JOÃO LEITE! cara tá a anoooo na vida publica....já foi vereador por ANOS....ta como DEPUTADO ha anos.... e NUNCAAAAAA FEZ NADA DE RELEVANTE PARA BH! AGORA VEM DIZER QUE QUER FAZER TUDO POR BH? PORQUE NÃO FEZ ANTES QUANDO PODIA?? SEU CORRPUTOOOOOOOO.....INVESTIGADO O CARA! PREFIRO O KALIL...não é grandes coisas MAS JOAO LEITE NUUUUUUUUUUUNCA JAAMAIS! SOMENTE GENTE SEM CONHECIMENTO NENHUM VOTA NESSE CARA!