SIGA O EM

Lacerda vai pedir votos para Aécio Neves

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 14/10/2014 00:12 / atualizado em 14/10/2014 07:31

Isabella Souto /

Paulo Filgueiras/EM/D.A Press

Na tentativa de aumentar o número de votos em Minas Gerais, o candidato do PSDB, Aécio Neves, contará com o apoio oficial do prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda (PSB). A data ainda não foi definida, mas é certo que o socialista pedirá votos publicamente para o tucano em um evento a ser realizado na capital mineira. No primeiro turno, Lacerda declarou voto em Aécio, mas como seu partido lançou a candidatura de Marina Silva (PSB), ele não participou de nenhuma agenda do PSDB.

Na semana passada, o PSB anunciou que neste segundo turno estará ao lado do PSDB. Nessa segunda-feira, em Brasília, foi eleita a nova executiva nacional da legenda, que terá Lacerda como secretário especial.

“Respeitamos a posição dele no primeiro turno, quando declarou apoio, mas não fez campanha ostensiva. Conversamos com ele hoje (ontem) em Brasília e vamos fazer uma ação conjunta em Belo Horizonte”, afirmou o presidente estadual do PSDB, deputado federal Júlio Delgado – um dos maiores aliados de Aécio no PSB.

De acordo com Delgado, ontem pela manhã integrantes mineiros da legenda se reuniram com os coordenadores da campanha de Aécio Neves e acertaram estratégias para Minas Gerais. Na semana passada, o encontro foi com os coordenadores tucanos no estado: o ex-governador Antonio Anastasia (PSDB) e o ex-secretário de Governo Danilo de Castro.

Interior

A primeira decisão será o uso da estrutura que o partido montou para a campanha de Marina Silva e Tarcísio Delgado – que disputou o governo estadual pela legenda – a favor de Aécio. Militantes da legendas ficarão encarregados de distribuir material gráfico, sair às ruas e postar dados nas redes sociais.

Lideranças das diversas regiões também reunirão prefeitos para discutir ações conjuntas nas próximas duas semanas. Na Zona da Mata, por exemplo, Júlio Delgado vai se reunir até o fim desta semana com os prefeitos na região do PSB e partidos aliados para definir novas estratégias para as eleições. O objetivo é mudar o quadro desfavorável no primeiro turno, quando Dilma Rousseff (PT) venceu Aécio.

“Temos que reverter o resultado, até porque agora temos mais lideranças defendendo o apoio a Aécio e vamos puxar para a questão da mineiridade”, afirmou Júlio Delgado.