SIGA O EM

Líderes Empreendedores

Líderes empreendedores inspiram jovens a se preparar do jeito certo

Cineasta Woody Allen diz que 80% do que leva as pessoas ao sucesso é se mostrar para o mundo.
Una Virtual - A vida pede flexibilidade. Invista seu tempo em ensino à distância.

Conteúdo patrocinado
Una Virtual

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 1062950, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Divulga\xe7\xe3o', 'link': '', 'legenda': 'L\xedderes Empreendedores', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2016/08/04/791058/20160804142933471781a.jpg', 'alinhamento': 'left', 'descricao': ''}]

postado em 04/08/2016 14:28 / atualizado em 04/08/2016 14:48

Preparar do jeito certo para enfrentar o mercado de trabalho é um desafio constante.

O cineasta Woody Allen diz que 80% do que leva as pessoas ao sucesso é se mostrar para o mundo.  O ensinamento desse diretor  aponta para algumas histórias  de  jovens, que perceberam um potencial e resolveram se mostrar para o mundo.

 

Divulgação
 

 

São líderes empreendedores de sucesso que inspiram jovens como você a se preparar do jeito certo.

Allan Kajimoto em 2010 criou o Kekanto, um guia de estabelecimentos com mais de 20 milhões de acessos mensais. As competências do jovem empreendedor Allan Kajimoto foram observadas durante a graduação em Ciências da Computação. Com visão de negócios, desenvolvimento de produtos e capacidade de formulação de estratégia- foram lapidadas, o que ressalta a importância de uma universidade de qualidade na definição da trajetória de um profissional.

Segundo Allan Kajimoto quanto antes o jovem começar a empreender, melhor, uma vez que é não tão simples fazer uma primeira empresa ter sucesso logo no início. Allan destaca que o “custo-oportunidade do jovem é bem melhor do que o de uma pessoa de meia-idade, que já possui  filhos para sustentar.

Romero Rodrigues com menos de 25 anos juntou mais alguns amigos para investir na compra de 3 computadores e mais R$4,8 mil para criar o site Buscapé. Romero percebeu que não havia na recém-difundida internet brasileira nenhum site que compilasse as ofertas de produtos.

Em meados de 1999, o negócio (que ainda se chamava Quanto Custa) começou em uma pequena sala, fechando parcerias com empresas recém-abertas, como o Magazine Luiza.

A visão de negócios de Romero e seus amigos, a visualizarem uma oportunidade de negócios onde ninguém via nada, fez do Buscapé um dos sites mais visitados do Brasil, vendido há alguns anos por incríveis 600 milhões de dólares.

Mike Krieger  é um nome pouco conhecido no Brasil, bem diferente da sua mais importante criação, o Instagram. O mais curioso na trajetória de sucesso desse empreendedor de 29 anos- que vendeu o seu aplicativo por 1 bilhão de dólares ao fundador do Facebook, Mark Zuckerberg- é que o garoto não é mais um gênio norte-americano distante de nossa realidade, mas, sim , um paulistano que foi para os Estados Unidos estudar na Universidade de Stanford.
Isso mesmo! Histórias como as de Krieger ou de Eduardo Saverin (que ajudou Mark Zuckerberg a fundar o Facebook) mostram o imenso potencial do jovem brasileiro no mundo dos negócios.

Reduzindo ainda mais a faixa estaria, Nicholas Pinto é um norte-americano que, à época, tinha apenas 14 anos. Ele é um exemplo de que não há limite, inclusive de idade, para se tornar bem-sucedido no mundo dos negócios.

O garoto, que sempre gostou de andar de patinete, tinha constantes prejuízos com as rodinhas que quebravam diariamente. A solução veio de sua própria iniciativa: criar modelos mais resistentes de roda. A ideia virou a LB Scoots, empresa que faturou em 2012 impressionantes 100 mil dólares.

 

Acesse o site da Una Virtual e saiba mais sobre cursos de graduação e pós-graduação à distância.