17°/ 31°
Belo Horizonte,
21/SET/2014
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

São Paulo tem duas reintegrações de posse nesta terça

Agência Estado

Publicação: 29/07/2014 12:19 Atualização: 29/07/2014 13:08

A Polícia Militar cumpre na manhã desta terça-feira, 29, duas ordens de reintegração de posse no centro de São Paulo. Uma na rua da Consolação, próximo à rua Marquês de Paranaguá, onde cerca de 200 sem-teto do movimento Luta Popular por Moradia (LPM) ocupam um prédio comercial de nove andares, e a outra na rua Líbero Badaró. As operação começaram por volta das 6h desta manhã.

Segundo a Polícia Militar, cerca de 120 famílias moravam no edifício da Rua da Consolação desde o dia 7 de maio, quando houve a invasão. O prédio foi adquirido há pouco tempo pelo Centro Trasmontano, um plano de assistência médica, com sede na Rua Tabatinguera, no centro. O plano da entidade era reformar o imóvel, para onde pretendia transferir seu setor administrativo, mantendo na unidade principal o laboratório de análise clínica, consultórios e demais atividades de atendimento à saúde.

Os policiais iniciaram a operação por volta das 6h. Revoltado, o líder do LPM, Ricardo Luciano disse que a reintegração pegou a todos de surpresa. "Estamos sendo alvo de um gravíssimo erro jurídico, nós deveríamos ter sido avisados mais cedo", afirmou no início da manhã. Segundo ele, os sem-teto haviam sido informados sobre a desocupação às 18h30 da última segunda-feira, 28.

No entanto, quando o oficial de justiça chegou, pouco depois dos PMs, foi mostrado aos ocupantes do prédio um documento com a assinatura de dois integrantes do LPM, que davam ciência à desocupação. As assinaturas foram colhidas no dia 13 de maio.

O imbróglio revoltou alguns sem-teto, que acusaram o líder de ser "estelionatário". Irritado, Ricardo Luciano reagiu, tentou partir para cima de integrantes do movimento, mas foi contido pelos PMs. Depois, não apareceu mais na ocupação. "Ele só foi levado a outro lugar para recuperar a calma", informou um dos policiais. A Polícia Militar afirma que ninguém foi detido.

A partir daí, a desocupação ocorreu de forma pacífica. Até o momento, não há registro de conflito entre os policiais e os sem-teto, segundo a PM. Cinco caminhões foram disponibilizados pelo Centro Trasmontano para auxiliar os sem-teto na mudança. Os pertences devem ser levados a outra ocupação, na rua Dr. Cesário Mota Júnior, em Santa Cecília. Os sem-teto, contudo, ainda não sabem para onde vão.

De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), por causa da reintegração de posse, duas faixas da direita da rua da Consolação foram bloqueadas no sentido centro. Às 9h50, a companhia registrava 1,5 quilômetro de congestionamento na região.

Outro caso

A Polícia Militar também acompanha a reintegração de posse na rua Líbero Badaró, no centro, que acontece de forma pacífica até o momento. Segundo a PM, parte dos sem-teto já haviam deixado o prédio durante a madrugada mas não há informações sobre o número de ocupantes do local.

Quatro caminhões fazem a mudanças dos ocupantes. Segundo a CET, a faixa da esquerda da via foi interditada mas não houve impacto no trânsito do local, que não registra lentidão.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.