Protesto fecha entrada da USP e complica trânsito

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 11/06/2014 12:19

Agência Estado

Professores e funcionários em greve fazem protesto na manhã desta quarta-feira, 11, na Cidade Universitária da USP, no Butantã. Alunos também participavam da manifestação, que reunia cerca de 300 pessoas. Os manifestantes reclamam da decisão dos conselhos de reitores das universidades estaduais de São Paulo de não conceder reajuste salarial para os docentes e servidores. Eles também pedem a readmissão dos metroviários demitidos na segunda-feira, 09, após cinco dias de greve do Metrô.

Desde as 6h desta quarta, os manifestantes protestam na frente do portão 1 da USP. Neste momento, os grevistas fazem uma reunião na Rua Alvarenga, segundo informações da Segurança do Campus. A via está interditada. As portarias 2 e 3 da Universidade estão funcionando normalmente.

A manifestação já prejudica o trânsito no entorno do campus Butantã. Por volta das 12 horas, a Avenida Corifeu de Azevedo Marques, no sentido centro, tinha três quilômetros de retenção entre a Avenida Heitor Antonio Eiras Garcia e a Rua Herbert Baldus. No sentido bairro, a Avenida apresentava 2,4 quilômetros de congestionamento entre a Avenida Vital Brasil até a Rua Joao Sbarai.
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.