Após 40 anos, Vila Itororó será reformada

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 24/05/2014 00:01

Agência Estado

São Paulo, 23 - A Prefeitura de São Paulo anunciou nesta sexta-feira, 23, que as obras de restauro da Vila Itororó, no Bexiga, finalmente vão começar. O projeto de recuperação do histórico conjunto arquitetônico na região central foi idealizado há 40 anos, pelos arquitetos Benedito Lima de Toledo e Décio Tozzi. Na primeira fase, entre junho e outubro, serão investidos R$ 4 milhões via lei de incentivo fiscal, metade de um banco, metade de uma construtora.

“A obra será executada em quatro etapas”, explica Tozzi. “No total, é uma obra para quase R$ 50 milhões, mas outras empresas patrocinadoras devem surgir.” Na primeira fase será a limpeza e drenagem do terreno, instalação do canteiro de obras e análise das edificações. “Só depois da limpeza poderemos entrar lá para avaliar a situação atual”, explica Toledo. “A vila foi muito vandalizada nos últimos anos.”

Após o restauro, no local deve funcionar um centro de memória, com espaços museológicos, recintos para exposições, salas para oficinas, biblioteca, brinquedoteca e até um restaurante italiano.

Os trâmites foram definidos na segunda-feira, em duas reuniões com os arquitetos - a primeira com o secretário municipal de Cultura, Juca Ferreira, a segunda com o prefeito Fernando Haddad (PT). “Foram 40 anos de espera. Estamos dando graças a Deus por essa obra finalmente começar”, diz Tozzi.
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.